A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

19/08/2013 20:03

Tribunal de Justiça reconhece pleito da OAB e revoga regra que afrontava CPC

Viviane Oliveira

Diante da decisão do CNJ (Conselho Nacional de Justiça) de acatar pedido feito pela OAB (Ordem dos Advogados do Brasil), seccional Mato Grosso do Sul, para eliminar excesso de formalismo nos processos, a Corregedoria-Geral de Justiça do Estado voltou atrás e revogou uma regra que determinava distribuição de novo processo para cumprimento de uma sentença.

Após a publicação do provimento, na última sexta-feira, o Tribunal de Justiça deverá voltar a cumprir o processo de cumprimento de sentença ou execução previsto na Lei 11.232/2005 do CPC (Código de Processo Civil).

O pedido de providência foi feito ao CNJ (Conselho Nacional de Justiça) pelo advogado Bruno Galeano Mourão. Com o pedido posterior de assistência do Conselho Federal da OAB, o CNJ acatou o pedido, beneficiando toda classe dos advogados do Estado.

O advogado explica que a decisão serve para acabar com o excesso de formalismo no Poder Judiciário, que passa a receber o cumprimento da sentença como fase do processo de conhecimento, forme a lei.

Câmara Federal regulamenta carreira dos agentes comunitários de saúde
Com a presença de agentes comunitários nas galerias da Câmara, os deputados federais concluíram hoje (12) a votação do projeto de lei que regulamenta...
Anvisa libera serviço de vacinação em farmácias de todo o país
Farmácias e drogarias de todo o país vão poder oferecer o serviço de vacinação a clientes. A possibilidade foi garantida em resolução aprovada hoje (...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions