ACOMPANHE-NOS    
JULHO, SEXTA  10    CAMPO GRANDE 24º

Em Pauta

As novidades no combate à hipertensão

Por Mário Sérgio Lorenzetto | 06/06/2020 08:23
Campo Grande News - Conteúdo de Verdade

Milhões de pessoas no Brasil não mantém a pressão arterial na normalidade. Muitas delas confessam orgulhosas que em sua casa cozinham sem sal, e fazem muito bem. Sobram evidência científicas de que reduzir o consumo de sódio na alimentação ajuda a prevenir a hipertensão. Mas quem pensa que basta tampar o saleiro é a medida suficiente, se equivoca. Segundo o novo Guia Clínico da Sociedade Internacional da Hipertensão (ISH, sigla em inglês), a melhor aposta para controlar a hipertensão não deve colocar todas as fichas no sódio.


Campo Grande News - Conteúdo de Verdade

Abacate e soja passam a ser considerados essenciais.

Sabe aquele abacateiro no fundo do quintal de tua casa? Pois é, conforme o novo guia clínico, será essa árvore que cumprirá um papel essencial em tua vida. Se não tiver, comece a considerar plantar um pouquinho de soja no quintal. Essa dupla - abacate e soja - são fundamentais à partir de agora. Apesar da gigantesca propaganda que fizeram da banana, como um dos alimentos mais ricos em potássio (essencial para combater a hipertensão), a soja tem cinco vezes mais potássio que a banana. O abacate não chega a ter uma diferença tão grande, mas também contem mais potássio que a banana. Não esqueçam, potássio deve ser ingerido em doses elevadas diariamente.


Campo Grande News - Conteúdo de Verdade

Magnésio e cálcio no combate à hipertensão.

A ingestão de sementes, frutos secos e legumes já são bem conhecidos dos hipertensos. Poucos sabem, todavia, qual é a ingestão necessária. Devem ser consumidos, no mínimo, quatro vezes por semana. Há outra novidade no guia do ISH, as sementes devem ser trituradas previamente para obter melhores benefícios.


Campo Grande News - Conteúdo de Verdade

Beterraba, rabanete e verduras.

Outros alimentos recomendados pelo guia da ISH são a beterraba, o rabanete e as folhas verdes como alface, espinafre e rúcula. O motivo é a riqueza desses alimentos em nitratos inorgânicos, que se convertem em óxido nítrico no corpo humano. Essas moléculas de óxido nítrico provocam dilatação dos vasos sanguíneos, reduzindo a tensão arterial. O truque já é bem conhecido: comer com variedade de cores.


Campo Grande News - Conteúdo de Verdade

Evitar queijos secos e duros.

A recomendação da ISH para os lácteos é evitar os queijos secos e duros por sua elevada quantidade de sal. A opção por leite e iogurtes é considerada como boa alternativa. Os cereais no pão, arroz e macarrão devem ser de grãos integrais por terem mais fibras e nutrientes que os refinados, mas não são essenciais.


Campo Grande News - Conteúdo de Verdade

Como fica a taça de vinho e o café?

Duas taças de vinho, cada uma de 100 ml é aceitável no novo guia da hipertensão. Aceitável não é sinônimo de que devem tomar obrigatoriamente. As antigas recomendações de combate à hipertensão aceitavam tão somente a ingestão de água. O novo guia é mais ameno. Além de tolerar duas taças de vinho, também recomenda o consumo moderado de chás e café. Também passa a concordar que é muito aborrecido ficar apenas tomando água. Sugere a adição de hibisco (é provável que tenha propriedades anti-hipertensivas), limão e menta.