ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, SEXTA  07    CAMPO GRANDE 27º

Em Pauta

Como testar coronavírus com radiografia?

Por Mário Sérgio Lorenzetto | 10/07/2020 08:43
Campo Grande News - Conteúdo de Verdade
A Universidade de Granada, na Espanha, desde o início da pandemia se propôs a alcançar um objetivo importante: que qualquer pessoa, mediante uma simples radiografia, pudesse saber se tinha covid-19 ou não. Para isto, junto com o Hospital Clínico San Cecilio de Granada, trabalharam com uma base de dados de centenas de radiografias, tanto de pacientes enfermos como de sadios.


Campo Grande News - Conteúdo de Verdade
Um mar de informações no computador.

Colocaram um mar de informações, centenas de radiografias no computador. Criaram um sistema que aprendeu quais radiografias correspondem a pacientes enfermos - e em que grau - para posteriormente analisar qualquer imagem nova. A seleção de enfermos só era admitida com teste PCR positivo realizado. Assim, garantiram a boa qualidade da amostra. Por outro lado, o hospital forneceu à universidade uma imensa quantidade de radiografias de pacientes com pulmões sadios. Estes também tinham teste PCR.


Campo Grande News - Conteúdo de Verdade
A grande vantagem é que existem Raios-X em qualquer cidade.

A principal vantagem do sistema é que trabalha com radiografias do tórax, uma prova rápida e disponível em qualquer cidade e em inúmeros locais capital do Mato Grosso do Sul. Também é muito barato. Algo que melhoraria o tempo de diagnósticos, ao contrário do teste PCR, muito mais caro e raríssimo. Também há vantagem na qualidade de aferição, enquanto os testes PCR tem média de 60% de sensibilidade, o raio-X com inteligência artificial ultrapassa os 80% de sensibilidade.


Campo Grande News - Conteúdo de Verdade
Para qualquer pessoa.

Analisar radiografias em um computador é algo relativamente fácil. A grande dificuldade é a organização e seleção das radiografias com e sem coronavírus. Esse sistema pode ser obtido com a Universidade de Granada. Qualquer pessoa teria condições de testar com radiografias, sem acumular o ultra diminuto sistema de testagem montado pela prefeitura de Campo Grande e pelo governo do Estado. E ele traz uma vantagem adicional, quanto mais testes forem realizados, mais o sistema aprenderá, dando resultados cada vez melhores e com maior eficácia.