ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, SEXTA  07    CAMPO GRANDE 20º

Em Pauta

Ventilação, a nova recomendação no combate ao vírus

Por Mário Sérgio Lorenzetto | 22/07/2020 07:54
Campo Grande News - Conteúdo de Verdade

A ciência é fácil, mas aconselhar às populações é muito complicado. Acrescentar uma nova recomendação, após seis meses de pandemia, é delicado. Todos conhecem as recomendações de lavar as mãos, manter distância e usar máscara. Com o mesmo nível de importância, os cuidados com a ventilação passam à essa pequena lista de medidas fundamentais pra combater o coronavírus.


Campo Grande News - Conteúdo de Verdade

A principal fonte de contágio é o ar.

Já não resta dúvida alguma de que a principal fonte de contágio é o ar. Mas não é uma nuvem infecciosa que viaja pelas cidades. Também não é como o sarampo que infecta quem entrar em uma sala onde esteve um enfermo. O coronavírus pode ficar alguns poucos minutos no ar, e espalhar. Chegando à boca ou nariz de outra pessoa. Mas esse contágio não ocorre em quaisquer circunstâncias.


Campo Grande News - Conteúdo de Verdade

Os 4 fatores infecciosos pelo ar.

O risco de contágio pelo ar depende de 4 fatores: alta ocupação, longa duração, vocalização alta e má ventilação. O maior risco se dá em espaços fechados e abarrotados. Só com ótima ventilação o contágio não ocorrerá em um lugar onde você permaneça por longo tempo e esteja cheio de gente. Os exemplos são sobejamente conhecidos: festas e amplos galpões como os frigoríficos. Cantar e tossir são igualmente perigosos nesses ambientes.