ACOMPANHE-NOS    
MAIO, SÁBADO  08    CAMPO GRANDE 21º

Direto das Ruas

Motorista faz conversão proibida, fere motociclista e foge sem prestar socorro

Trabalhador estava retornando de uma entrega quando foi atingido em cruzamento

Por Adriano Fernandes | 04/05/2021 22:13

Mais uma vítima da imprudência no trânsito da Capital o motoentregador Adriano Gimenez, de 45 anos, está à procura do condutor de um veículo que fugiu depois de ferí-lo em um acidente no cruzamento da Avenida Ceará com a Rua Eduardo Santos Pereira, em Campo Grande.

Adriano estava retornando de uma entrega, pouco antes das 22h de quinta-feira (29) quando o condutor que seguia em sentido oposto pela avenida, não só desrespeitou o sinal vermelho como fez uma conversão proibida à esquerda, na Eduardo Santos Pereira, causando uma batida.

"Eu estava pilotando certinho o sinal estava verde para mim, quando ele virou do nada. Eu ainda tentei frear, mas acabei caindo e batendo na lateral do veículo", lembra. Câmera de segurança de um estabelecimento que fica no cruzamento, registrou o acidente.

Pelas imagens é possível ver que o trabalhador por pouco não acabou sendo atingido pela roda do veículo. "Eu quebrei a escápula, ralei meu cotovelo, joelho e ainda há suspeita de que o ligamento do meu joelho tenha se rompido", conta o motoentregador. Mesmo vendo a vítima caída no chão o motorista foi embora sem prestar socorro.

Adriano foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros e encaminhado para a Upa (Unidade de Pronto Atendimento Comunitário) do Coronel Antonino. Por pelo menos trinta dias ele terá de ficar sem trabalhar. O rapaz explica que tudo ocorreu tão rápido que ele sequer conseguiu ver a placa ou o modelo do veículo, mas ele suspeita que seja um Caoa Chery Tiggo.

O motoentregador só conseguiu recuperar o vídeo do acidente nesta terça-feira (04), e já registrou um boletim de ocorrência. No entanto, sem ao menos saber qual a placar do carro o trabalho de investigação fica ainda mais difícil. "Por isso que eu estou procurando ajuda de quem tenha conseguido identificar o carro ou talvez saiba onde está algum veículo desse modelo com um amassado na lateral, para que a justiça seja feita. Não falo isso por conta do acidente em si, mas porque ele fugiu sem nem se preocupar se eu estava bem. Se ele fez isso comigo, pode fazer algo muito pior com os outros", desabafa.

Quem tiver qualquer informação sobre o paradeiro do condutor do veículo, pode entrar em contato com o trabalhador pelo 9 9298-8860 ou pelo canal Direto das Ruas.

Direto das Ruas – A denúncia chegou ao Campo Grande News por meio do canal Direto das Ruas, meio de interação do leitor com a redação. Quem tiver flagrantes, sugestões, notícias, áudios, fotos e vídeos pode colaborar no WhatsApp pelo número (67) 99669-9563.

 Clique aqui e envie agora uma sugestão.

Para que sua imagem tenha mais qualidade, orientamos que fotos e vídeos devem ser feitos com o celular na posição horizontal.


Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário