ACOMPANHE-NOS    
JUNHO, QUINTA  30    CAMPO GRANDE 15º

Direto das Ruas

Ponto de ônibus é depredado antes mesmo de funcionar na Rua Brilhante

Para comerciantes, vandalismo reflete "revolta" com corredor de ônibus que vai roubar vagas do lado esquerdo

Por Caroline Maldonado | 15/01/2022 15:41
Estação de embarque na Rua Brilhante, esquina com Rua Rua Vicente Solari (Foto: Henrique Kawaminami)
Estação de embarque na Rua Brilhante, esquina com Rua Rua Vicente Solari (Foto: Henrique Kawaminami)

Polêmicos, os pontos de ônibus do lado esquerdo na Rua Brilhante pareciam esquecidos, pois aparentam estarem prontos há meses e ainda não funcionam. Agora, uma pichação em uma dessas estações de embarque chama a atenção de quem passa pelo local. Quem trabalha por ali demonstra achar pouco o vandalismo, tamanho o ranço que os comerciantes têm com o projeto, que transformou a via e vai extinguir vagas de estacionamento com a promessa de facilitar o tráfego dos ônibus.

A pintura azul recebeu pichação em vermelho e amarelo na estação do cruzamento com a Rua Rua Vicente Solari. Gerente do mercado que fica na esquina, Ana Rita Venâncio dos Santos, de 32 anos, acredita que a pichação é por causa da revolta que as pessoas da região têm com as estações de embarque ocupando espaço de estacionamento de clientes dos comércios da região.

Gerente do mercado que fica próximo ao ponto de ônibus, Ana Rita Venâncio dos Santos (Foto: Henrique Kawaminami)
Gerente do mercado que fica próximo ao ponto de ônibus, Ana Rita Venâncio dos Santos (Foto: Henrique Kawaminami)

“Acho que é revolta com esses pontos do lado esquerdo. Não serviram para nada até agora e já aconteceram muitos acidentes, principalmente com motociclistas, desde que as estações foram instaladas. Além disso, moradores de rua ficam ali e pessoas que saem de madrugada das festas também deitam ali”, comentou Ana.

A pichação ocorreu há poucos dias, segundo a caixa do mercado, Emili Fernanda, de 18 anos. “Amanheceu assim. Para nós não faz muita diferença, porque esse ponto é só de enfeite, não funciona e só atrapalha”, avalia.

A reportagem tentou contato por telefone com o diretor-presidente da Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito), Janine de Lima Bruno, mas ele não atendeu a ligação, portanto aguarda resposta da assessoria da Prefeitura de Campo Grande sobre as providências a serem tomadas com relação a pichação e o motivo das estações não estarem em funcionamento ainda.

As estações estão instaladas desde abril do ano passado e mais recentemente receberam pintura. Em outubro, a prefeitura informou ao Campo Grande News que alguns ajustes no projeto ainda estavam em análise na Caixa Econômica Federal para instalação das estações.

Direto das Ruas - O flagrante chegou ao Campo Grande News por meio do canal Direto das Ruas, meio de interação do leitor com a redação. Quem tiver flagrantes, sugestões, notícias, áudios, fotos e vídeos pode colaborar no WhatsApp pelo número (67) 99669-9563.

Clique aqui e envie agora uma sugestão.

Para que sua imagem tenha mais qualidade, orientamos que fotos e vídeos devem ser feitos com o celular na posição horizontal.

Nos siga no Google Notícias