A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

13/07/2017 13:53

Câmara aprova incentivos para empresas investirem R$ 137 milhões

Priscilla Peres e Richelieu de Carlo
Votação aconteceu nesta manhã na Câmara. (Foto: Richelieu de Carlo)Votação aconteceu nesta manhã na Câmara. (Foto: Richelieu de Carlo)

Vereadores de Campo Grande aprovaram hoje (13), na última sessão antes do recesso, 17 projetos de incentivos fiscais a empresas para se instalar ou ampliar sua atuação na cidade. No total elas vão investir R$ 137 milhões na cidade e gerar 695 empregos, mas os dados da contrapartida da prefeitura não foram divulgados.

Foram para análise dos vereadores 20 projetos, mas dois foram arquivados pela CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) sendo o pedido da Concrelaje e da Rabacow. O primeiro a própria prefeitura pediu que fosse arquivado, sem explicar o motivos e o segundo não apresentou a documentação atualizada em tempo.

Os vereadores também rejeitaram o pedido da empresa Cruzeiro do Sul. O vereador Eduardo Romero (REDE), presidente da Comissão de Finanças e Orçamento, pediu para que fosse rejeitado porque, segundo ele, a empresa já foi beneficiada com doação de terreno e isenção de impostos há exatos dois anos.

Ele afirmou ainda que a empresa vendeu propriedade particular, sendo incoerente o pedido. Ainda de acordo com Romero, esse projeto seria para ampliar uma unidade que ja existe, sem a abertura de novas vagas de emprego. Os vereadores acataram o pedido e votaram pela rejeição.

Os benefícios incluem doação de área, redução de 30% ou 50% do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) por três ou cinco anos, limpeza do terreno, isenção de taxas e do ISS (Imposto sobre Serviço) incidente sobre as obras de construção do empreendimento e qualificação da mão de obra.

Das 20 empresas, 12 receberão áreas (a maioria no Núcleo Industrial), somando 106,31 mil m² no valor total de R$ 10,33 milhões. As maiores serão destinadas a Velutex Indústria e Comércio de Tintas e à Cruzeiro do Sul Encomendas. Elas poderão receber, respectivamente, terreno de 13.699 m² nas Moreninhas, de R$ 1.906.462,80; e área de 21.897,39 m², no valor de R$ 1.366.616,10.

Conselho revoga incentivo fiscal concedido à empresa de Campo Grande
O Codecon (Conselho Municipal de Desenvolvimento Econômico) revogou os benefícios que haviam sido concedidos à empresa Marfi Oeste Comércio de Artigo...
Bolsa-atleta aprovado, próximo passo será criar incentivo fiscal para o esporte
Com a aprovação do projeto que reformulou o programa bolsa-atleta, nesta quarta-feira, 17, na Assembléia Legislativa, o foco da Fundação Estadual de ...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions