A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 21 de Janeiro de 2019

03/01/2019 10:26

Com 100% de desconto à vista, Refis regularizou dívida de 8 mil mutuários

Prazo encerra dia 15 de Janeiro. Descontos são de 100% nos juros e multa para quem pagar a vista os débitos e 80% para quem for parcelar

Mirian Machado
Atendimento na sede da Emha nesta manhã (3) (Foto: Divulgação/Emha)Atendimento na sede da Emha nesta manhã (3) (Foto: Divulgação/Emha)

Faltando pouco mais de 10 dias do prazo para participar do novo Refis (Programa de Refinanciamento de Dívidas) da Habitação da Emha (Agência Municipal de Habitação), R$ 2 milhões de reais já foram recuperados - 80% da meta de R$ 2,5 milhões. As dívidas de mutuários com a agência somam R$ 53 milhões.

Quase 8 mil pessoas já foram atendidas pelo programa. Mais de R$ 5 milhões foram recuperados com a renegociação com os inadimplentes.

Conforme a Emha, quando o Refis começou, em novembro de 2018, haviam 3,2 mil contratos em dia, número que subiu para 4.671 até esta quarta-feira (2). O projeto prevê descontos para a quitação dos débitos dos 24 mil imóveis que estão cadastrados na agência.

Descontos- O Refis, lançado no dia 19 de novembro, segue até o dia 15 de janeiro com 100% de descontos nos juros e na multa para quem quitar todas as parcelas em atraso. Quem preferir parcelar poderá ter descontos de até 80% nos juros e multa com pagamento mínimo de dez parcelas atrasadas.

O Refis ainda prevê o reparcelamento de dívidas, mesmo que já haja acordo vigente. Neste caso o valor da entrada equivale a 30% do valor total do débito e descontos de 50% sobre juros e multas.

Quem quiser estar quite com o imóvel pode procurar a Emha no endereço da sede (na rua Íria Loureiro Viana, 415, Vila Oriente). O atendimento é das 8h às 17h.

Após reclamações, Energisa atribui aumento na conta a calorão e férias escolares
Diante de reclamações de clientes sobre aumento na conta de energia, a Energisa esclarece que as altas temperaturas registradas em Mato Grosso do Sul...
Dólar sobe pelo 4º dia seguido e fecha cotado a R$ 3,75
O dólar comercial fechou a sexta-feira (18) em alta de 0,22%, cotado a R$ 3,756 para venda. Este é o 4º avanço consecutivo e o maior valor de fechame...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions