A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 24 de Junho de 2018

16/07/2009 17:50

Concorrência acirrada reduz preço, diz dono de posto

Redação

Os donos de postos atribuem a acirrada concorrência entre os 132 estabelecimentos de Campo Grande o vai-e-vem nos preços dos combustíveis. A política não considera o pagamento de salários, no início de cada mês, mas o valor praticado pelo concorrente mais próximo.

Pelo menos esta é a explicação do proprietário do Posto São Marcos, localizado no cruzamento das ruas Padre João Crippa e Marechal Cândido Mariano Rondon, no centro. Aloisyo Coutinho, afirmou que o mercado dita o preço dos produtos. O estabelecimento revende o litro da gasolina a R$ 2,399.

No entanto, devido à redução na margem de lucro, Coutinho suspende, neste período, a venda por meio de cartões de débito e crédito. Ele justificou que as operadoras de cartão cobram 5% do valor pela utilização. Sobre a duração da promoção, o empresário destacou que o período depende da concorrência.

Cartel

Dia de tentar ficar milionário: loterias sorteiam R$ 168 milhões hoje
A Mega-Sena pode pagar, neste sábado (dia 23), R$ 38 milhões para quem acertar as seis dezenas. O prêmio está acumulado há seis rodadas e o sorteio e...
Hub aéreo no nordeste avança segundo companhia
O número de voos entre Fortaleza e a Europa deve aumentar em breve indicou a companhia aérea KLM junto de sua sócia francesa, a Air France. A ideia s...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions