A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

25/05/2012 09:15

Confiança do consumidor diminui em maio, mostra FGV

Marta Ferreira

A confiança do consumidor na economia brasileira caiu 1,2% de abril para maio. O Índice de Confiança do Consumidor (ICC), medido pela Fundação Getulio Vargas (FGV) e divulgado hoje (25), passou de 128,7 para 127,1 pontos no período, após atingir o recorde histórico no mês anterior.

O resultado foi influenciado pela piora das avaliações sobre o momento atual e redução do otimismo em relação aos próximos meses. O Índice da Situação Atual caiu 1,8%, ao passar de 148,1 para 145,5 pontos de abril para maio. O Índice de Expectativas diminuiu 1,1%, ao passar de 118,3 para 117 pontos.

O indicador que mede a satisfação com a situação econômica local no momento caiu 2,6%, após três altas consecutivas e foi o quesito que mais contribuiu para a queda do ICC no mês. A proporção de consumidores que avaliam a situação como boa diminuiu de 34% para 31,5% e a dos que a avaliam como ruim passou de 14,2% para 14,8%.

Para os seis meses seguintes, a expectativa em relação à situação econômica local ficou um pouco menos otimista. O indicador diminuiu 1,5%, ao passar de 126,3 para 124,4 pontos em maio. A parcela de consumidores que projetaram um ambiente melhor nos meses seguintes passou de 37,5% para 36,5%; a dos que preveem uma piora elevou-se de 11,2% para 12,1%.

A Sondagem de Expectativas do Consumidor é feita com base em uma amostra com mais de 2 mil domicílios em sete das principais capitais brasileiras. A coleta de dados para a edição de maio de 2012 foi feita entre os dias 2 e 22 deste mês.

Empresas têm até 20 de dezembro para optar pela antecipação do eSocial
Empresas podem optar pela antecipação da implantação do Sistema de Escrituração Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas (eSoci...
Prazo para regularizar débitos com fisco estadual vence na sexta-feira
Contribuintes que possuem débitos com o fisco estadual têm até sexta-feira (15) para aderirem ao Refis (Programa de Recuperação Fiscal) de Mato Gross...


DEVEMOS DEIXAR DE SERMOS PESSIMISTAS, CONFIARMOS EM DEUS, E REZARMOS, ORARMOS PELA PRESIDENTE DA REPÚBLICA E SUA EQUIPE ECONÔMICA, MAS PUXARMOS AS ORELHAS DE VEREADORES A SENADORES, POIS SÃO ESSES OS QUE DESANIMAM TODOS, COM ROUBOS, ESCÂNDALOS, FAZENDO ACERTOS COMO O DO CACHOEIRA, E ISSO VEM DESANIMAR O POVO BRASILEIRO, MAS O BRASIL ESTA BOM, CONFIANÇA EM DEUS E VÃO EM FRENTE.
 
pedro braga em 25/05/2012 03:14:11
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions