A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Junho de 2018

11/09/2009 16:36

Conselho aprova compra de minério de R$ 1,3 bi pela Vale

Redação

O CDN (Conselho de Defesa Nacional) aprovou, hoje, a compra de R$ 1,3 bilhão em minérios de ferro em Corumbá pela Vale. O contrato com a Rio Tinto foi celebrado em janeiro deste ano pelo valor de US$ 750 milhões.

Em comunicado, a Vale informou que o valor foi investido na aquisição dos ativos de minério de ferro e potássio em Corumbá, a 426 quilômetros da Capital. O negócio envolve a aquisição do porto fluvial e barcaças.

No ano passado, Corumbá produziu 2 milhões de toneladas métricas de minério de ferro. A empresa considera o município com alto teor de ferro e rico em granulados de redução direta, tipo de minério de ferro de alto valor que está se tornando crescentemente escasso no mundo.

"Os ativos de logística possibilitam ter 70% de auto-suficiência no transporte de minério de ferro através do Rio Paraguai", assegurou a Vale. "Corumbá está localizado próximo às nossas operações de minério de ferro e manganês em Urucum. Desse modo, existe potencial para exploração de várias sinergias, envolvendo maior flexibilidade dos ativos, redução de custos administrativos e de logística e racionalização do uso das reservas", informou no comunicado.

Saques do PIS/Pasep colocarão R$ 34,3 bilhões na economia
A partir de hoje (18), os brasileiros com mais de 57 anos, que são titulares de contas inativas dos fundos dos programas de Integração Social (PIS) e...
Brasil deixou de arrecadar R$ 354,7 bi com renúncias fiscais em 2017
Com meta de déficit primário de R$ 159 bilhões neste ano e com um teto de gastos pelas próximas duas décadas, o governo teria melhores condições de s...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions