A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

27/02/2009 07:22

Exportação de industrializados despencou em janeiro

Redação

Mato Grosso do Sul assistiu às exportações de produtos industrializados despencarem no mês de janeiro, segundo dados do Radar, divulgados nesta sexta-feira pela Fiems (Federação das Indústrias de Mato Grosso do Sul). A queda em relação ao mesmo período do ano passado é de 65,6% e comparado ao mês de dezembro de 2008, a redução é de 21,1%

Foram exportados US$ 11 milhões em produtos industrializados. Ainda de acordo com o Radar Industrial, em relação ao volume, as exportações em janeiro deste ano alcançaram 24,6 mil toneladas, o que representa uma redução de 58,5% sobre igual mês do ano anterior, quando as vendas externas de produtos industrializados atingiram 59,3 mil toneladas. Em relação a dezembro do ano passado, a redução foi de 24,3%, pois, no último mês de 2008, o volume havia alcançado 32,5 mil toneladas.

Além disso, em janeiro deste ano foram remetidos ao exterior 34,7 mil toneladas de produtos industrializados a menos em relação a janeiro de 2008, sendo que, em relação à receita, na mesma comparação, a redução nominal foi de US$ 18,6 milhões.

"Com o agravamento dos efeitos da crise financeira internacional, constatou-se uma acelerada redução das vendas externas de produtos industrializados de Mato Grosso do Sul. A desaceleração ocorrida fez com que na passagem para 2009, já no mês de dezembro de 2008 e agora mais fortemente no mês de janeiro, as exportações de industrializados ficassem em níveis inferiores ao que foi observado no fim de 2007 e início de 2008", aponta a análise do Radar Industrial.

Os principais produtos industrializados da pauta de exportação de Mato Grosso do Sul são açúcar e álcool, couros e peles, alimentos e bebidas, compensados de madeira, móveis de madeira e madeiras trabalhadas, óleos de soja bruto e refinado, cimentos e têxtil, confecção e vestuário. Com destaque para açúcar e álcool, cuja receita de exportação do grupo foi de US$ 3,6 milhões e os principais destinos foram Madagascar, Bangladesh, Holanda e Rússia.

Outro que merece destaque é o grupo de couros e peles, que obteve receita de exportação de US$ 2,9 milhões, tendo como principais destinos China e Itália, enquanto o grupo de alimentos e bebidas obteve receita de exportação de US$ 2 milhões e o principal destino foi a Venezuela. Já o grupo de compensados de madeira, móveis de madeira e madeiras trabalhadas teve receita de exportação de US$ 1,2 milhão e o principal destino foi o Reino Unido e o grupo de óleos de soja bruto e refinado a receita de exportação foi de US$ 805 mil, sendo que o principal destino foi a Índia.

Importações

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions