A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

22/06/2009 09:25

Exportações de industrializados cresceram 119% em maio

Redação

Dados da Fiems (Federação das Indústrias de Mato Grosso do Sul) apontam que o volume de exportações de produtos industrializados por Mato Grosso do Sul cresceu 119,1% no mês de maio em comparação com igual período do ano passado. O aumentou foi de 36,1 mil toneladas para 79,1 mil toneladas, e crescimento de 93,3% sobre o mês anterior, quando as vendas externas de produtos industrializados atingiram 40,3 mil toneladas, segundo levantamento do Radar Industrial da Fiems.

Em maio, as receitas com exportações de produtos industrializados de Mato Grosso do Sul apresentaram um crescimento real de 16,8% sobre igual mês de 2008, aumentando de US$ 23,9 milhões para US$ 30,7 milhões. De acordo com o Radar da Fiems, esse foi o melhor resultado para o mês de maio da série histórica para a exportação de industrializados da Secretaria de Comércio Exterior, iniciada em 1999. Em relação ao mês de abril, as receitas provenientes das exportações de industrializados apresentaram um crescimento real de 97,6%, saltando de US$ 15,8 milhões para US$ 30,7 milhões.

Ainda segundo o Radar Industrial, maio apresentou, em 2009, o primeiro resultado mensal positivo das exportações de industrializados tanto em receita quanto em volume, quando a comparação se dá com o correspondente mês do ano anterior.

No entanto, o resultado foi positivo para sete dos 11 grupos de produtos industrializados exportados por Mato Grosso do Sul, somado a isso, dois grupos "calçados e suas partes" e "papel e celulose, embalagens de papel ou papelão e demais artefatos de papel", passaram a compor a pauta de produtos industrializados exportados pelo Estado, quando comparados com igual mês de 2008.

Ainda conforme a análise da Fiems, até o mês de abril, as vendas externas de industrializados de Mato Grosso do Sul registravam evolução positiva somente em volume. Significa que os produtos desvalorizaram, acompanhando o dólar.

Quanto às importações, em maio houve forte expansão das importações de bens de capital, quando comparado com igual mês de 2008. Foram US$ 66,4 milhões contra US$ 7,8 milhões, crescimento nominal de 751,3%. Contudo, em comparação com o mês imediatamente anterior, constatou-se uma redução nominal da ordem de 59,2%, quando haviam sido importados US$ 162,8 milhões. (Com informações da assessoria de imprensa)

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions