A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 15 de Outubro de 2018

14/01/2008 10:35

Governo federal pretende implantar mercados populares

Redação

O Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) quer criar quatro mercados populares volantes em 2008. O mercado popular vai vender alimentos e produtos de limpeza e higiene a um preço abaixo da média de mercado. O público são famílias com orçamento abaixo de R$ 120,00.

No Brasil já existem projetos semelhantes em alguns municípios. Belo Horizonte, Distrito Federal e Curitiba são cidades que já desenvolvem a prática de maneira independente. A novidade agora é que o governo federal vai financiar a maior parte do custo para se implementar um mercado popular.

Segundo Crispim Moreira, diretor da Secretaria Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional do MDS, serão firmados convênios com estados e municípios para a criação dos mercados.

"Nós [o governo federal] temos disposição de destinar 80% do custo dos mercados com recurso federal. Os nossos parceiros, o estado ou município, compareceriam com 20%. Nós teremos recursos para compra de equipamento, material permanente e também para a compra de produtos da agricultura familiar. Os municípios ou estados entrariam com a manutenção", afirmou.

Segundo Moreira, os quatro mercados populares a serem instalados ainda este ano estariam localizados em dois municípios. Ainda não há definição sobre quais serão. O valor total destinado pelo governo federal será de R$ 900 mil, uma média de R$ 225 mil por unidade.

O MDS quer vender de 15 a 20 itens nos mercados populares. A preferência será dada aos produtos que mais pressionam o orçamento familiar, como arroz, feijão, óleo, café e carnes. Os demais produtos serão escolhidos de acordo com a realidade regional.

"A idéia é que os municípios possam prestar este serviço público de forma auto-sustentável, com custo zero, porque eles não têm necessidade de agregar lucro ou valor após a compra dos produtos", ponderou Moreira.

Boletos vencidos a partir de R$ 100 agora podem ser pagos em qualquer banco
A partir de amanhã (15), os boletos com valor a partir de R$ 100, mesmo vencidos, poderão ser pagos em qualquer banco. A medida faz parte da nova pla...
Dólar acumula queda de 1,97% e fecha cotado a R$ 3,77
O dólar fechou a quinta-feira (11) em alta de 0,45%, cotado a R$ 3,7786. A moeda norte-americana encerrou a semana em queda de 1,97%. Os investidores...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions