A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 26 de Maio de 2018

21/12/2011 00:13

Medo de ficar com mercadoria encalhada reduz preços na véspera do Natal

Paulo Fernandes

A terceira e última pesquisa de produtos natalinos feita pelo Procon revela que os preços tiveram uma redução de 2,9% em média em relação ao mês de novembro. O resultado foi divulgado nesta terça-feira.

O recuo é explicado pela proximidade do Natal. Com receio de ter os produtos encalhados, os comerciantes costumam abaixar os preços nos dias que antecedem a comemoração.

“Esta diminuição nos valores já era de se esperar e só comprova que sempre vale a pena esperar um pouco para fazer as compras de produtos típicos deste período”, afirmou ao site governamental Noticias.MS o superintendente do Procon, Lamartine Ribeiro.

Foram pesquisados 254 itens, incluindo panetones, vinhos, perus, frutas secas, castanhas e nozes. Os pesquisadores visitaram nove supermercados.

Já em relação ao Natal de 2010, os preços aumentaram em 11,40%. “Este aumento é provocado pela alta no preço do dólar em 2011, considerando que vários dos produtos natalinos ou são importados ou usam ingredientes importados” explica Lamartine.

A pesquisa mostrou ainda que a diferença de preço de um mesmo produto entre um estabelecimento e outro pode chegar a 99%. Este é o caso da fruta cristalizada La Violetera 150g, que é vendida por R$ 2,00 e por R$ 3,98.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions