A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 26 de Maio de 2018

07/09/2009 09:37

Para consultora, valorização imobiliária é obstáculo

Redação

Há quatro anos, quando foi obrigado a se desfazer da casa, a consultora de viagens Anilise Ilga Schmitz, 37 anos, sonha em se livrar do pagamento do aluguel. No entanto, ela considera como principal obstáculo a valorização, dos últimos anos, do imóvel em Campo Grande.

"Os imóveis ficaram muito super valorizados", comentou, sobre o desafio de encontrar a casa dos seus sonhos e deixar de comprometer R$ 492 por mês com aluguel. "O mercado imobiliário cresceu muito e acho que está ocorrendo especulação imobiliária", justificou-se.

Ela participou do Feirão da Caixa e até buscou informações sobre o Minha Casa, Minha. Pelo programa, teria direito a subsídio de R$ 17 mil e o valor financiado poderia chegar a R$ 95 mil.

No entanto, Anilise ainda considera muito difícil financiar este valor e aguarda ser contemplada pelos projetos da Emha ou da Agehab (Agência Estadual de Habitação).

Ela está inscrita no órgão desde 2005. Apesar de morar com o filho, ela não conseguiu a ajuda do poder público para voltar a ter a própria casa.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions