A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

12/09/2009 11:04

PPJ: contribuinte aproveita desconto para quitar débitos

Redação

Contribuintes de Campo Grande estão aproveitando o plantão neste fim de semana, no prédio da antiga Câmara Municipal, para aproveitar a quitação de débitos com desconto e se livrar das ações de cobrança na Justiça.

Desde 15 de julho, quando começou o PPJ (Programa de Débitos Judiciais), que prevê desconto de 100% nos juros e multas e até 35% do valor principal, cerca de 17 mil pessoas já foram atendidas, segundo o chefe do Departamento Imobiliário e Cartografia da Semadur (Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano), Wilson Brasil.

O TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) informou que já foram baixados 7 mil processos. Com o pagamento e o acordo, o contribuinte fica livre da ação de cobrança.

Brasil garantiu que o programa superou as expectativas do poder público. A prefeitura esperava uma demanda diária, no máximo, de 500 pessoas por dia no final do programa. No entanto, desde a semana passada, cerca de mil contribuintes são atendidos diariamente.

Área valiosa - Maria Joaquina Alves de Abreu, 52 anos, contou que tentará aproveitar o desconto para quitar a dívida de R$ 948. "Eu quero aproveitar porque é uma área muito valiosa", garantiu ela, que saiu contento com a redução da dívida inicial superior a R$ 3 mil.

Já o professor Jowilson Ribas Nunes, 32, vai pensar qual a melhor forma de aderir ao PPJ. O valor total do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) ajuizado é de aproximadamente R$ 3,2 mil. Com os bônus do programa, o valor fica em R$ 1,8 mil.

Nunes explicou que o desconto é bom, mas nem sempre é possível o contribuinte quitar o valor à vista. Ele afirmou que se o valor fosse parcelado em até três vezes, a situação ficaria mais fácil para o devedor. As outras opções para ele analisar são o pagamento à vista de uns processos e o parcelamento de outros.

Já uma empresária, que não quis se identificar, pagou R$ 1,3 mil, de uma dívida total superior a R$ 4 mil. No entanto, ela garantiu que a dívida é decorrente de outra pessoa ter aberto inscrição em seu nome.

Atendimento - O atendimento será feito hoje até às 17h no prédio da Câmara, localizado na Rua Arthur Jorge, 500, no centro. Amanhã, será das 8h às 17h.

Nos dois últimos dias, o início será às 7h30. Sendo que na terça-feira, segundo Brasil, o atendimento será feito até o último contribuinte deixar o local.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions