A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

30/11/2017 07:36

Prazo para negociar dívidas acaba hoje e não será estendido, diz secretário

Meta da Prefeitura de Campo Grande é arrecadar R$ 38 milhões com os acordos firmados por meio do programa

Liniker Ribeiro e Mayara Bueno
Central do IPTU lotada de contribuintes (Divulgação)Central do IPTU lotada de contribuintes (Divulgação)

Hoje é o último dia para que contribuintes que possuem débitos com a prefeitura de Campo Grande possam aproveitar os descontos de até 85% no valor da dívida, oferecidos pelo município na segunda fase do Refis (Programa de Recuperação Fiscal).

Segundo a assessoria de comunicação da prefeitura, a equipe da Secretaria Municipal de Finanças e Planejamento (Sefin) continua reforçada para atender os contribuintes na Central do IPTU, localizada na Rua Arthur Jorge, 500, região central da Capital.

Conforme o secretário de Finanças, Pedro Pedrossian Neto, a intenção é encerrar o programa hoje mesmo - sem prorrogação - até que o "último contribuinte seja atendido". Até agora, o Refis arrecadou R$ 32 milhões e, conforme o titular, a meta é superar R$ 38 milhões.

Desde o dia 1º de novembro, foram aproximadamente 15 mil atendimentos realizados no local. Quem procurar negociar débitos com vencimento até dezembro de 2016, pode aproveitar descontos de 85% nos juros e na correção monetária, caso o pagamento seja feito à vista.

Em caso de dívidas tributárias e multas com o município, são oferecidos 75% de desconto ao contribuinte, também para pagamento à vista. Para quem optar em pagar a dívida de forma parcelada, em 6 vezes, o desconto será de 70% nos juros e correção monetária. Em doze vezes o desconto passa a ser de 25%.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions