A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

18/03/2011 08:25

Preço do álcool "assusta" motoristas na hora de abastecer na Capital

Paula Maciulevicius

Combustível pode ser encontrado até por R$ 2,35

Valor chega a 2,35 nas bombas. (Foto: SImão Nogueira)Valor chega a 2,35 nas bombas. (Foto: SImão Nogueira)

Em um giro por postos de combustíveis de Campo Grande, a placa que anuncia o preço do álcool parece espantar a freguesia. O reajuste constante vem das refinarias e dói no bolso dos consumidores.

“É um absurdo, vem subindo muito. Até semana passada eu abasteci a R$ 1,98”, conta com ar de assustada a funcionária pública Rosilene Rodrigues.

O valor mais alto, encontrado na Avenida Mato Grosso, esquina com a Rua 25 de Dezembro, deixou o estabelecimento vazio. No local a equipe do Campo Grande News não conseguiu entrevistar nenhum motorista. O motivo estava nas bombas de álcool, comercializado a R$ 2,350, cerca de 30 centavos a menos que o valor da gasolina.

Nos poucos estabelecimentos que ainda comercializam “barato”, o combustível pode ser encontrado a R$ 2,079. Mas o reajuste deve chegar às bombas até amanhã, afirma o gerente de posto de combustível, Edésio Alves Quevedo.

“Já não compensa mais abastecer no álcool, para nós aqui, a diferença no preço é de 33%. O consumidor tem preferido a gasolina, que também não está barata”, completa.

“É um absurdo, vem subindo muito. Até semana passada eu abasteci a R$ 1,98”, conta com ar de assustada a funcionária pública Rosilene Rodrigues.“É um absurdo, vem subindo muito. Até semana passada eu abasteci a R$ 1,98”, conta com ar de assustada a funcionária pública Rosilene Rodrigues.

Para a esteticista Vanda Moraes optar pela gasolina se tornou imprescindível. “O preço está tão alto que a diferença fica pequena entre o álcool e a gasolina. Se coloca o álcool gasta muito mais”, explica.

No posto da Avenida Calógeras, com a Rua 26 de Agosto, o combustível está na faixa de R$ 2,189, mas segundo a proprietária Nicéia Lopes Faleiros, não deve parar por aí.

“Se está ruim para o consumidor, imagina para nós? Pelo que tudo indica semana que vem tem outro aumento”, finaliza.



A casa caindo e a Dilma fazendo receitas no programa da Ana Maria...
 
Marco Aurélio em 21/03/2011 08:11:12
Com tanta usina de alcool no estado, com um pais auto suficiente em petroleo, qual será a boa desculpa para um preço exorbitante como o praticado aqui???????????????
 
Eduardo Machado em 18/03/2011 10:08:32
Eu só queria entender porque um Estado produtor tem esse preço absurdo....

Quem tem carro flex está tranquilo, e quem tem carro velho a alcool? ( meu caso )
 
Jean Carlos dos Santos em 18/03/2011 09:02:00
Perfeita sua colocacão Endrigo Zotelli.Também concordo, que o povo brasileiro é muito passivo.Veja o preço do Leite,quase o preço da vaca rs,rs,rs...Quando é época de estiagem,os bonitinhos elevam o preço do referido produto.Mas a estiagem passou há 6 meses, e o leite continua muito alto.No mangueiro, eles pagam menos de R$0,50,é mole?Acho que tá passando da hora do nosso povo começar a boicotar essa roubalheira...
 
neide de oliveira em 18/03/2011 07:52:23
EU AINDA ACHO BARATO O COMBUSTIVEL ACHO Q DEVERIA SUBIR MAIS UM POUCO ,PQ TODO MUNDO PRECISA ANDAR DE CARRO QUANTO MAIS SUBIR MENOS CARRO, VAMOS FAZER UM BUZINAÇO NA CAPITAL DE PREFERENCIA EM FRENTE AS CASAS DOS POLITICOS DONOS DE POSTOS.
 
JUNIOR PEREIRA em 18/03/2011 04:33:28
Pois é gente... os agricultores estão apostando agora na plantação de cana-de-açucar para exportação de açucar e nao produção de álcool. Incrível que o Governo não faz nada para incentivar a produção de álcool e a corda arrebenta pro nosso lado.
 
Israel de Sousa em 18/03/2011 04:03:19
Jean faz como eu...compra um carro movido a GNV....rssssss
 
Daniela Fialho em 18/03/2011 03:50:06
Estado produtor de álcool e olha o preço que pagamos. Estado produtor de carne e olha o preço que pagamos. Estado produtor de soja e olha o preço que pagamos. Olha o custo de nossos impostos, principalmente estaduais e vejam o retorno a sociedade tem. Somos assaltados de todos os lados. E a população não reage. Letargia total. Somos marionetes vestidas de palhaço na mão dessas corjas que se instalam no Parque dos Poderes.
 
Endrigo Zotelli em 18/03/2011 02:20:44
Antes das usinas de álcool no MS, o produto era mais barato....
 
Cerilo Casanta Calegaro Neto em 18/03/2011 02:09:26
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions