A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 23 de Junho de 2017

25/10/2016 14:01

Seguro-Desemprego foi solicitado por 53 mil trabalhadores de MS em 2016

De janeiro a setembro foram registradas, por dia, 196 solicitações.

Anny Malagolini
Seguro-desemprego no Estado pode ser solicitado na Funtrab (Foto: Divulgação)Seguro-desemprego no Estado pode ser solicitado na Funtrab (Foto: Divulgação)

Consequência do número alto demissões, 53.249 trabalhadores deram entrada neste ano ao benefício do Seguro-Desemprego no Estado, apenas pela Funtrab (Fundação do Trabalho de Mato Grosso do Sul). Apesar do número alto, na comparação com o ano passado, a quantidade de novos beneficiários apresentou redução de 8,83%.

A porção de novos beneficiários é inferior na comparação com 2015, tendo em vista que naquele ano 58.406 pessoas solicitaram o auxílio. São 5.157 beneficiários a menos.

A maior redução foi verificada no município de Batayporã, que de 402 benefícios concedidos em 2015 caiu para 124 neste ano. Em Campo Grande a queda foi de -0,1%; Foram 15.142 registros de novos beneficiários em 2015, contra 13.740 neste ano.

Das 77 cidades sul-mato-grossenses, apenas oito não apresentaram redução de novos pedidos de trabalhadores. São elas: Aquidauana, Eldorado, Guia Lopes da Laguna, Iguatemi, Itaquiraí, São Gabriel do Oeste e Sidrolândia.

A mudança das regras para a liberação do seguro é um dos fatores determinantes para a redução, conforme avaliação do Coordenador de Estudos e Pesquisas da Funtrab, Jorge Goya. “Colaboraram para essa queda, em primeiro lugar as mudanças das regras na Lei n.º 13.134, de 16 de junho de 2015. E em uma posição secundária a economia se estabiliza na perda de postos de trabalho”, declarou.

Jorge também reforçou que o desemprego está desacelerando e perdendo força, “uma nova etapa da economia local começa a se desenhar. Alguns municípios como Batayporã e Corumbá se destacaram na redução de beneficiados ao Seguro-Desemprego. E no sentido contrário Guia Lopes e Iguatemi, continuam avançando na perda de postos de trabalho”, ressaltou Jorge Goya.

Benefício - O seguro-desemprego é destinado a trabalhadores que estavam empregados e tinham carteira assinada, mas foram demitidos sem justa causa. O trabalhador pode fazer o requerimento do 7º ao 120º dia após a data da demissão do emprego.

Para a primeira solicitação, o trabalhador deve comprovar seu vínculo de emprego por no mínimo 12 meses, desde que seja nos últimos 18 meses. Na segunda solicitação, o trabalhador deve ter recebido salário por pelo menos 9 meses nos últimos 12 meses imediatamente anteriores à data de dispensa. Nas demais solicitações, é preciso comprovar vínculo empregatício nos seis meses anteriores à demissão. 

EUA suspendem todas as importações de carne in natura do Brasil
O secretário de Agricultura dos EUA, Sonny Perdue, anunciou nesta quinta-feira, 22, a suspensão de todas as importações de carne bovina in natura do ...
Dólar fecha em leve alta e com investidor monitorando cenário político
O dólar teve mais um dia de volatilidade pautado por forças opostas em diversos momentos, mas incertezas políticas prevaleceram no fim dos negócios n...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions