A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

29/04/2011 13:27

Supermercados fecham acordo com funcionários e irão abrir 1º de maio

Ítalo Milhomem

Na manhã desta sexta-feira (29), os proprietários de supermercados e os funcionários do setor chegaram a um acordo para abrir normalmente neste domingo, feriado de 1º de Maio em comemoração ao dia do Trabalhador.

Os trabalhadores receberão uma diária de R$ 40,00 ao final do dia pelo trabalho deste domingo. A informação é de Idelmar da Mota Lima, presidente do SEC/CG (Sindicato dos Empregados no Comércio de Campo Grande).

Os demais feriados de 2011 ficou acertado que o valor será de R$ 35,00, mesmo

valor acertado anteriormente para os feriados de Tiradentes e Sexta-feira da

Paixão.

A reunião realizada no Sindsuper (Sindicato dos supermercados da Capital) também definiu o piso salarial da categoria de R$ 647,00 e para quem ganha acima do piso o reajuste será de 7%.

Os limites do “desculpe, seu score está baixo”
Imagine a seguinte situação. Você está navegando em uma grande loja de comércio eletrônico e escolhe um novo celular para compra. Na hora do pagament...
Confaz aprova incentivos fiscais concedidos pelo Governo de MS
O Confaz (Conselho Nacional de Política Fazendária) aprovou a convalidação de todos os incentivos fiscais concedidos pelo Governo do Estado em Mato G...
Consumidor terá 30 dias para contratar serviço de esgoto antes de ser multado
Será apresentado às 9h de segunda-feira (18) um termo de parceria entre o Procon-MS (Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor de Mato ...


sou uma sofredora operadora de caixa.nao aguento mais aquele povo mau educado,que vai no mercado só acabar com o dia da operadora de caixa...e ainda mais ganho um salario miseravel,,,tem vezes que chego a tirar 350,00 por mes,com os descontos,é muito pouco para ter que aguentar aquele povo nogento,mau amado,dando nojo no caixa,,,isso é vida digna?
 
thays dias em 16/10/2011 11:51:00
O pior de tudo é não ver a cor dos míseros R$ 40,00, e sim receber em uma folga no meio da semana, o que não é dado como escolha ao empregado. Isso é um oportunismo ao desemprego existente. O empregador diz: "Vai ter que trabalhar sábados domingos e feriados, se não quiser, tem quem quer". Essa triste realidade torna cada vez mais empregados insatisfeitos, o que reflete na queda de qualidade e produção da empresa.
 
andré fernandes guirro em 30/04/2011 04:23:26
Já trabalhei no comper, e com certeza 90% dos funcionarios principalmente dos caixas não tiveram escolha.
Estes R$40,00 é em vale comprar que vale somente na rede.
 
Wagner Moraes em 29/04/2011 04:48:59
COITADOS.
NÃO QUERENDO FALAR MAL.
MAIS QUERIDOS LEITORES.

DÊ UMA OLHADA NOS OPERADORES DE CAIXA, DOS SUPERMERCADOS PARA VERÍFICAR A SOBRE CARGAS Q AS LEVAM. AINDA MAIS, QUASE NÃO TEM TEMPO PARA DESCANSO...
TENHO PARENTES Q TRABALHAM NA REDE COMPER E SEMPRE RECLAMAM DA FALTA DE COMPREENSÃO DAS PESSOAS, POIS ACHAM Q O CULPADO PELA LENTIDÃO DOS CAIXAS SÃO ELES. FILAS GRANDES, RECLAMAÇÕES CONTANTES, ETC. UM ABSURDO. AGORA R$ 40,00 VAI SUBSTITUIR TUDO (...)?
 
EZEQUIEL DOS SANTOS em 29/04/2011 04:27:38
Nossa mas R$ 40 por um fériado, não compensa muito não em mas se o funcionário não for acontece alguma coisa será??
 
Eduardo Juliano em 29/04/2011 03:04:54
Infelizmente caro josé silveira a necessidade muitas da vez fala mais alto, com esse sálario rídiculo que nos é pago, 40,00 as vezes faz falta ainda mais quem é pai de fámilia e viva a igualdade,igualdade piada é claro.
 
Alex Correa em 29/04/2011 02:54:41
Mais uma vez a dignidade do pobre trabalhador e vendida por miseros R$ 40,00. Será que vale mais do que um domingo com a familia? E ainda dia do trabalhador!
 
jose silveira em 29/04/2011 02:36:59
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions