ACOMPANHE-NOS    
JULHO, TERÇA  14    CAMPO GRANDE 21º

Economia

Tímido, Dia sem Imposto na pandemia tem arroz, castanhas e cerveja com descontos

Supermercado, conveniência, empório e lavanderia aderiram à campanha em Campo Grande

Por Jones Mário e Bruna Marques | 04/06/2020 10:15
Arroz é vendido com desconto nos supermercados da rede Nunes (Foto: Henrique Kawaminami)
Arroz é vendido com desconto nos supermercados da rede Nunes (Foto: Henrique Kawaminami)

Em meio a pandemia de novo coronavírus, a edição de 2020 do DLI (Dia Livre de Imposto), nesta quinta-feira (4), está mais tímida em Campo Grande. As promoções são realizadas em supermercado, conveniência, lavanderia e empório de produtos naturais. Gasolina barata só no interior do Estado, em Dourados.

Organizado pela FCDL-MS (Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Estado), o DLI é forma de manifestação de empresários contra a tributação no País, considerada alta por representantes do varejo. No dia, estabelecimentos vendem itens com descontos equivalentes ao percentual de imposto incidente.

Com a pandemia de covid-19, as medidas restritivas a aglomerações no comércio seguraram a adesão à campanha, que costuma atrair muitos consumidores. Por resolução vigente na Capital, as atividades econômicas varejistas e atacadistas devem operar com capacidade de atendimento limitada a 60%.

Castanhas estão com desconto de 20% em empório de cereais no Monte Líbano (Foto: Giovana Pozzani)
Castanhas estão com desconto de 20% em empório de cereais no Monte Líbano (Foto: Giovana Pozzani)

Apesar de poucos estabelecimentos, o movimento nos que aderiram à campanha é intenso. No empório de cereais Pistache, localizada no Jardim Monte Líbano, a proprietária Giovana Martelozo Pozzani garante que a procura “superou as expectativas”.

A loja entrou na ação com dois produtos, castanha-de-caju e castanha-do-Pará, com descontos de 20%. A primeira é vendida hoje a R$ 71,90/kg. A segunda, a R$ 55,90/kg.

As castanhas também são vendidas quebradas. A de caju, a R$ 55,99/kg, e a do Pará, a R$ 41,90/kg.

Os supermercados da rede Nunes vendem quatro produtos com descontos. O pacote de biscoitos Rancheiros (R$ 4,99) e a farinha de trigo Primor (R$ 2,15) têm os maiores descontos, de 17%.

Açúcar cristal e farinha de trigo também entraram na promoção com campanha (Foto: Henrique Kawaminami)
Açúcar cristal e farinha de trigo também entraram na promoção com campanha (Foto: Henrique Kawaminami)

O arroz Tio Lautério é vendido a R$ 12,98, com desconto de 3%. O açúcar cristal Casa Verde sai com redução de 9%, a R$ 3,99.

Para o gerente da unidade do bairro São Francisco, Felipe Martins, 23 anos, a ideia de entrar no DLI “é oferecer uma promoção melhor para os consumidores, porque todo mundo precisa comer”. Ele aponta que o arroz foi o produto que mais saiu até agora, com pelo menos 26 pacotes já vendidos só nesta manhã.

Na conveniência Cerv Já, no Centro, a cerveja Skol lata palito é vendida com desconto superior a 50%, a R$ 1,39. A latinha de Coca-Cola, de 220 ml, sai hoje por R$ 1,16. O preço original é R$ 2,00.

A lavanderia Wash Lave, no Centro da Capital, também embarcou no Dia Sem Imposto, com promoção na lavagem de edredom. Sem tributação, o serviço custa R$ 20,00 nesta quinta.

Os preços promocionais são adotados só hoje. Os custos dos impostos isentos ao consumidor são arcados pelos próprios comerciantes.

Conveniência na Avenida Afonso Pena baixou preços da cerveja e do refrigerante (Foto: Marcos Maluf)
Conveniência na Avenida Afonso Pena baixou preços da cerveja e do refrigerante (Foto: Marcos Maluf)