ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JULHO, DOMINGO  14    CAMPO GRANDE 10º

Educação e Tecnologia

Escolas inauguram seis novas salas e reformas em Campo Grande

A Escola Senador Rachid Saldanha Derzi recebeu cinco salas modulares para comportar cerca de 350 alunos

Por Gabriel de Matos e Fernanda Palheta | 17/06/2024 15:59
Evento de inauguração de novas salas de aula na Escola Senador Rachid Saldanha Derzi (Foto: Paulo Francis)
Evento de inauguração de novas salas de aula na Escola Senador Rachid Saldanha Derzi (Foto: Paulo Francis)

A Prefeitura de Campo Grande entregou várias reformas e seis novas salas modulares nesta segunda-feira (17). A Escola Municipal Senador Rachid Saldanha Derzi, localizada na Rua Dois Irmãos, no bairro Jardim Noroeste, recebeu cinco novas salas modulares.

A unidade de ensino faz parte do calendário de revitalizações da Reme (Rede Municipal de Ensino) de Campo Grande. Na parte da manhã, a Emei (Escola Municipal de Educação Infantil) Paulo Siufi na Vila Marabá; e a Emei Professora Emy Ishida no bairro Santa Fé tiveram as revitalizações entregues pela prefeitura.

A primeira agenda da tarde da prefeita de Campo Grande, Adriane Lopes (PP), foi na escola do bairro Jardim Noroeste. Foram cinco novas salas modulares que pretendem comportar dez turmas (cinco no período matutino e cinco no vespertino), totalizando 350 alunos.

Novas salas de aula modulares entregues oficialmente nesta segunda-feira (Foto: Paulo Francis)
Novas salas de aula modulares entregues oficialmente nesta segunda-feira (Foto: Paulo Francis)
Crianças durante aula em nova sala modular na escola municipal (Foto: Paulo Francis)
Crianças durante aula em nova sala modular na escola municipal (Foto: Paulo Francis)

A construção de uma sala de aula modular é feita com materiais fáceis de montar e com processo mais rápido, muito usado por escolas para aumentar a capacidade. No caso da unidade de ensino Senador Rachid, serão atendidas turmas do 4º e 5º ano.

A diretora da escola, Aparecida Ivonve Santos explicou que a unidade de ensino atende 1.400 alunos da pré-escola ao 7º ano do Ensino Fundamental. Ela detalhou que a escola não teve aumento no número de vagas com as novas salas.

" Os alunos já estão tendo aula na sala. A prioridade são os alunos. O sonho foi realizado. Não foram 350 novas vagas, com as cinco novas salas, a capacidade de comportar alunos ampliou. Na prática, foram duas turmas que abriram, uma de 6º ano e pré".

A diretora da escola, Aparecida Ivonve Santos sendo entrevistada (Foto: Paulo Francis)
A diretora da escola, Aparecida Ivonve Santos sendo entrevistada (Foto: Paulo Francis)

A prefeita Adriane Lopes (PP) complementou a fala da diretora. "Vai comportar melhor os alunos que estavam na biblioteca e sala de informática. Além disso, houve a pintura da escola, abertura de um portão, reforma de paredes e iluminação". O custo total ficou em R$ 700 mil.

O principal objetivo citado por Adriane é o de acabar com o deficit de vagas nas escolas. "As salas modulares equivalem a 20 escolas. Em vez de construir novas, queremos fazer o que já existe funcionar". O secretário municipal de Educação, Lucas Bittencourt reforçou a importância das obras para evitar a evasão escolar.

Ainda nesta tarde, a Emei Elza Francisca, na Rua Adventor Divindo de Almeida, no Jardim Noroeste, inaugurará a sala modular. Para finalizar o dia, mais uma entrega de reforma na Escola Municipal Professora Ione Catarina Gianotty Igydio, no mesmo bairro.

Prefeita Adriane Lopes conversando com aluna em nova sala de aula (Foto: Paulo Francis)
Prefeita Adriane Lopes conversando com aluna em nova sala de aula (Foto: Paulo Francis)

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias