ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JUNHO, QUINTA  20    CAMPO GRANDE 32º

Educação e Tecnologia

Escolas públicas de MS usam internet bem abaixo da velocidade adequada

Pesquisa mostra que no Estado, a velocidade ficou em 0,19 Mbps por segundo, sendo que o recomenda é de 1 Mbps

Por Izabela Cavalcanti | 27/05/2024 12:21
Alunos mexendo no computador em laboratório de informática de escola municipal (Foto: Divulgação/Prefeitura de Campo Grande)
Alunos mexendo no computador em laboratório de informática de escola municipal (Foto: Divulgação/Prefeitura de Campo Grande)

As escolas municipais e estaduais de Mato Grosso do Sul não atingiram a meta de velocidade adequada de internet por aluno. Pesquisa do NIC.br (Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR) mostra que no Estado, o Mbps (Megabyte) por segundo ficou em 0,19.

O estudo foi realizado com um medidor de qualidade de conexão em 32.379 escolas públicas do Brasil, com mais de 50 alunos no principal turno. Deste total, 3.640 escolas tinham internet com velocidade de download igual ou superior a 1 Mbps por segundo, que é a recomendada pela Enec (Estratégia Nacional de Escolas Conectadas), do Governo Federal.

Além disso, Mato Grosso do Sul e outros 11 estados também estão abaixo da média nacional, que é de 0,26 Mbps. Estão na lista: Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Roraima, Alagoas, Bahia, Ceará, Pernambuco, Sergipe e Distrito Federal.

Ainda em Mato Grosso do Sul, 48% responderam que tem acesso à internet com equipamento; e 75% tem acesso à internet para aprendizagem.

O levantamento não demonstrou quantas escolas e alunos foram pesquisados em MS. Mas, segundo o Censo Escolar 2023, no Estado existem 868 escolas públicas com Ensino Fundamental e 327 com Ensino Médio.

Gráfico mostra velocidade de download por aluno nos estados brasileiros (Foto: Reprodução/Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR)
Gráfico mostra velocidade de download por aluno nos estados brasileiros (Foto: Reprodução/Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR)

Regiões – Ainda conforme o levantamento, a análise dos dados relacionados às regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste sugere mostra que ainda há espaço para melhoria em outros aspectos, como a quantidade de escolas com internet para aprendizagem, a qualidade da conexão e o número de equipamentos.

A maioria dos municípios das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste estão em localidades com ampla cobertura de fibra e apresentam mais de 90% das escolas conectadas.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias