ACOMPANHE-NOS    
JANEIRO, SEXTA  28    CAMPO GRANDE 29º

Enquetes

Você concorda em voltar barreiras sanitárias para evitar nova variante da covid?

Ao menos seis casos da Ômicron foram confirmados no Brasil; perigos da variante ainda são estudados

Por Guilherme Correia | 07/12/2021 07:40
Barreiras sanitárias instaladas no Aeroporto Internacional de Campo Grande, no começo da pandemia. (Foto: Henrique Kawaminami) 
Barreiras sanitárias instaladas no Aeroporto Internacional de Campo Grande, no começo da pandemia. (Foto: Henrique Kawaminami)

Enquete desta terça-feira (12) pergunta aos leitores do Campo Grande News se concordam com a reinstalação de barreiras sanitárias para evitar a nova variante da covid-19, a Ômicron. Para responder, basta apenas votar com sim ou não ao final desta matéria, ou na capa do jornal.

Ao menos em Campo Grande, o Aeroporto Internacional terá volta de aferição de temperatura e controle mais rígido da entrada. Além disso, a Sesau (Secretaria Municipal de Saúde Pública) ofertará teste e vacina contra a covid.

Os vírus têm capacidade de se adaptar, sofrendo mutações com o passar do tempo, enquanto infectam os indivíduos. Com isso, eles ganham novas características, tais como uma maior chance de se transmitir ou de matar.

A variante Delta, por exemplo, se espalhava com mais facilidade nas pessoas, enquanto a variante P1 matava pacientes mais jovens.

No entanto, a Ômicron, confirmada em todos os continentes do mundo e também no Brasil, ainda não possui um consenso científico sobre seus efeitos. Por isso, torna-se importante, na avaliação de autoridades sanitárias, buscar formas de controlar a entrada de novas pessoas, que são potenciais vetores desta variante do coronavírus.

ÔMICRON - Sobre a variante, o secretário estadual de Saúde, Geraldo Resende, ressaltou ontem (6) em coletiva que estudos iniciais sugerem que a Ômicron não apresenta tantos perigos quanto outras cepas. Especialmente, em pessoas imunizadas, diz, ela tem feito casos mais leves.

“Mas é importante a gente seguir, vamos verificar os estudos que estão sendo feitos [...] ela pode ser mais contagiosa, mas não ter uma letalidade, nem uma agressividade muito grande”.

Enquete

Você concorda com a reinstalação de barreiras sanitárias para evitar a nova variante da covid?

Sim

81%

Não

19%
Este site é protegido pelo reCAPTCHA e pelo Google.
Política de Privacidade e Termos de serviço.
A votação para essa enquete terminou.
Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário