A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

02/07/2008 10:20

MARCO abre nesta quinta-feira 2ª temporada de exposições

Redação

O MARCO (Museu de Arte Contemporânea) abre nesta quinta-feira a segunda temporada de exposições deste ano. A solenidade será às 19h30 e contará com apresentações de Taikô, Shamissen, Zei e Utsikumi Kanayo, da Associação Okinawa de Campo Grande.

Dão início a esta nova temporada que homenageia os 100 anos da imigração japonesa as mostras , "Impressões Visuais: 50 anos da Comissão Fulbrigth no Brasil" e "Coletiva 100 Anos da Imigração Japonesa", com os artistas Áurea Katsuren, Fujita, Mauro Yanase, Neide Ono, Renato Arakaki, Roberto Higa, Rose Kanamura e Sayo.

A Coletiva dos 100 anos da Imigração Japonesa reúne pela primeira vez os artistas sul-mato-grossenses que têm em comum a origem dos primeiros imigrantes.

Em sua nova série de esculturas, Mauro Yanaze elabora as formas a partir do tema "Tanê", palavra japonesa que significa "semente".

Já a mostra "Impressões Visuais: 50 anos da Comissão Fulbright no Brasil" traz 126 imagens da fotografia brasileira e norte-americana que mostram fatos e pessoas que marcaram os últimos 50 anos de história do Brasil e dos EUA.

O trabalho resulta de uma pesquisa de quase dois anos em vários arquivos brasileiros e norte-americanos, e pretendem revelar, imageticamente, algumas diferenças e semelhanças entre as duas nações do continente americano.

A mostra itinerante é do Fullbright, programa de intercâmbio educacional e cultural do governo dos EUA criado em 1946 e está dividida em seis capítulos: 

- "Herança", que contém imagens representativas das culturas africanas, européia e indígena; "Política", com fatos e personalidades influentes no meio político; "Cultura", através do qual é possível se ver manifestações populares e algumas das personalidades do mundo artístico; "Cidadania", que busca expressar as lutas e conquistas da população quanto aos direitos do cidadão; "Esportes", no qual está a emoção, a força e a paixão dos esportes populares; e, por último, "Meio ambiente", que apresenta visões dos parques nacionais e conduz a reflexões sobre o que temos feito com o nosso habitat. 

O MARCO fica na Rua Antônio Maria Coelho, na entrada do Parque dos Nações Indígenas, em Campo Grande. O atendimento ao público é de terça a sexta-feira, das 12 horas às 18 horas, e aos sábados e domingos, das 14h às 18h. O telefone é 67- 3326-7449.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions