A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 14 de Novembro de 2018

20/03/2018 18:13

“Não caiu a ficha”, disse jogador de MS para a mãe após ser convocado por Tite

Mãe recebeu ligação do filho e disse que já esperava a convocação. "É coração de mãe", disse sobre intuição

Gabriel Neris
Ismaily foi convocado pela primeira vez para vestir a camisa da seleção brasileira (Foto: Arquivo pessoal)Ismaily foi convocado pela primeira vez para vestir a camisa da seleção brasileira (Foto: Arquivo pessoal)

Assim que foi chamado pelo técnico Tite para os amistosos da seleção brasileira contra Rússia e Alemanha, o lateral-esquerdo Ismaily ligou para a mãe, Pacélia Maria Gonçalves, de 50 anos, que reside em Angélica – a 263 km de Campo Grande. “Não estou acreditando, não caiu a ficha”, disse o jogador para a mãe.

Ismaily foi convocado pela primeira vez, aos 28 anos. Desde 2013 morando na Ucrânia, onde joga pelo Shakhtar Donetsk, o atleta costuma trocar mensagens com a mãe todos os dias logo pela manhã. O contato hoje (20) foi via ligação e, desta vez, foi a Pacélia que recebeu o contato. “Ele estava ligando e me disse que tinha novidade. Eu disse 'já sei, vai jogar na seleção'. É coração de mãe”, disse.

Ismaily com a mãe, Pacélia. Jogador costuma passar as férias em Angélica (Foto: arquivo pessoal)Ismaily com a mãe, Pacélia. Jogador costuma passar as férias em Angélica (Foto: arquivo pessoal)

Segundo ela, as declarações recentes do técnico Tite davam conta de que o jogador estava próximo da seleção. E o sonho de chegar a seleção se concretizou com as lesões de Filipe Luís, do Atlético de Madrid-ESP, e Alex Sandro, da Juventus-ITA. “Eu falei para ele: 'acredita que é verdade'”, respondeu a mãe. “Os jogadores estão sempre esperando [ser convocados]. Se Deus quiser vai para a Copa do Mundo, chegou agora, e está lutando para isso”, disse Pacélia.

A mãe conta que já se deu satisfeita depois que o técnico Tite citou o nome do filho. “Já fiquei feliz de ver o Tite falando o nome dele, mesmo se não fosse [convocado]”.

O jogador é natural de Angélica e foi relevado pelo Ivinhema Futebol Clube, onde foi campeão estadual em 2008. No mesmo ano foi levado pela Traffic, grupo de direitos esportivos, para o Desportivo Brasil (SP). Também atuou pelo São Bento (SP) antes de ser levado para o futebol português.

No velho continente, jogou pelo Estoril, Olhanense e Braga até chegar ao Shaktar. Desde 2013 no clube ucraniano, fez 124 jogos, com 12 gols marcados e 10 títulos conquistados. Na atual temporada marcou quatro vezes em 32 jogos.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions