A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

07/10/2016 15:20

Após irem às ruas, lutadores conseguem patrocínio e participam de Brazil Open

Amanda Bogo
Lutadores foram, no dia 1º deste mês, buscar arrecadações na avenida Afonso Pena, no centro de Campo Grande (Foto: Reprodução/ Facebook Academia Fábio Costa)Lutadores foram, no dia 1º deste mês, buscar arrecadações na avenida Afonso Pena, no centro de Campo Grande (Foto: Reprodução/ Facebook Academia Fábio Costa)

Após irem para a avenida Afonso Pena, no centro de Campo Grande, buscar arrecadar o dinheiro necessário para custear a viagem a Londrina (PR), onde será disputado, neste fim de semana, o Brazil Open 2016 de taekwondo, os alunos da academia Fábio Costa conseguiram, às vésperas do evento, o dinheiro que faltava para participar da competição. 

No site da academia, os responsáveis informaram que um empresário, que não quis ser identificado, contribuiu para que o valor necessário fosse completado. Anteriormente, foi comunicado que a equipe precisava arrecadar R$ 3 mil para arcar com o valor do transporte.

Com o pedágio realizado no dia 1º deste mês, na Afonso Pena, e com a venda de arroz carreteiro, os alunos conseguiram custear os gastos com hotel e as inscrições.

A equipe do Campo Grande News tentou contatar Fábio Costa, mestre da equipe, para saber detalhes da viagem e preparativos para o ínico do Open, porém, até o fechamento desta matéria, não conseguiu falar com ele.

Competição - Vinte atletas de Mato Grosso do Sul viajaram para Londrina participar do Brazil Open, competição que garante 10 pontos para o ranking nacional, no qual os melhores classificados se classificam para o Grand Slam da modalidade.

Conforme a CBTKD (Confederação Brasileira de Taekwondo), cerca de 400 atletas de vários estados brasileiros lutam pelas categorias fraldinha, mirim, infantil, cadete, juvenil, adulto e master masculino e feminino, destinada a lutadores faixa preta. Participam dass modalidades Kiorugui e Poomsae lutadores de faixas coloridas.

Ruas - Essa não é a primeira vez que os atletas buscam arrecadar dinheiro nas ruas da Capital. Em 2015, os lutadores foram para o sinal arrecadar dinheiro para participar do Campeonato Brasileiro, onde obtiveram o melhor desempenho de Mato Grosso do Sul em nacionais, conquistando cinco medalhas de ouro, duas de prata e duas de bronze.

Atletas de Beach Tennis tem até dia 15 para fazer inscrição em etapa estadual
Os atletas interessados em participar da 5ª Etapa Estadual do Circuito Pantaneiro de Beach Tennis, que acontecerá entre os dias 21 a 23 deste mês no ...
Para participar de competição, lutadores da Capital fazem pedágio na Afonso Pena
Sem patrocínio, jovens promessas do taekwondo de Mato Grosso do Sul irão fazer um pedágio na avenida Afonso Pena no sábado (1º), em Campo Grande, par...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions