A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

26/07/2015 13:39

Domingo de motovelocidade na Capital; campo-grandense é 4º na GP Light

Paulo Nonato de Souza
Pilotos da motovelocidade comemoraram vitória no pódio do GP Campo Grande disputado neste domingo (Foto: Vanessa Tamires)Pilotos da motovelocidade comemoraram vitória no pódio do GP Campo Grande disputado neste domingo (Foto: Vanessa Tamires)

O domingo foi de motovelocidade no Autódromo Internacional Orlando Moura, com a disputa do Grande Prêmio Campo Grande Moto 1000 GP, a quarta das oito etapas do Campeonato Brasileiro de Motovelocidade de 2015. A etapa teve em ação pilotos locais, nacionais e estrangeiros em quatro categorias, a GP 1000, GP 600Evo, GP Light e GPR 250.

Na GPR 250, o piloto Brian David, da equipe Estrella Galicia by Alex Barros, que já havia dominado a fase final da tomada de tempos no sábado, venceu neste domingo o Grande Prêmio Campo Grande de Motovelocidade, categoria GPR 250, disputado no Autódromo Internacional Orlando Moura.

David é filho de pai inglês e mãe goiana, mora atualmente em Málaga, na Espanha, mas está disputando a temporada 2015 da motovelocidade brasileira como representante de Campo Grande. Hoje ele largou na pole com o 1min47s111 conquistado no sábado e repetiu na prova o bom desempenho dos treinos.

“Eu morei a maior parte da minha vida em Goiânia. A minha avó mora em Campo Grande e foi ela quem providenciou minha carteira de piloto para 2015, com a Federação de Motociclismo de Mato Grosso do Sul”, disse Brian David, feliz com a vitória conquistada como “piloto da casa”.

A categoria GP Light no Moto 1000 GP deste domingo teve como os destaques os pilotos sul-mato-grossenses Sandro Campos, da equipe (MS/Kawasaki), e Erlon Franco, também da (MS/Kawasaki). A torcida nas arquibancadas fez a festa principalmente com Sandro, que chegou a sustentar o segundo lugar durante boa parte da prova, mas acabou em quarto lugar. Erlon terminou em 9º lugar. O vencedor foi o piloto gaucho Marcelo Dahmer. Ele conquistou de ponta a ponta a sua primeira vitória no Campeonato Brasileiro de Motovelocidade.

Na categoria GP 600, mais uma vez Eric Granado, da equipe da GST Honda Mobil Super Moto, sobrou na pista neste domingo. O piloto de 19 anos, que divide a temporada no Brasil e na Europa, onde disputa o Campeonato Europeu de Motovelocidade, o CEV, na Moto2, venceu em Campo Grande até com certa tranquilidade. Foi uma vitória de ponta a ponta. “Foi uma boa prova. Trabalhamos muito durante a semana, o que me ajudou bastante. Estou muito feliz com a vitória e em contribuir para o campeonato”, destaca Eric, que lidera a categoria com 107 pontos, com a CBR 600RR.

Na categoria Moto 1000 GP, Matthieu Lussiana foi o grande vencedor da etapa de Campo Grande. O argentino Diego Pierluigi chegou a liderar a prova até a penúltima curva, mas foi superado pelo francês e teve que se contentar com o 2° lugar. O argentino Luciano Ribodino completou o pódio em 3°.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions