ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
ABRIL, QUINTA  18    CAMPO GRANDE 24º

Esportes

“Era bom atleta, mas não boa pessoa”, diz Bruninho Samudio pela 1º vez sobre pai

Em entrevista para programa de televisão, garoto fala que não sente nada além de pena pelo ex-goleiro

Por Natália Olliver | 03/03/2024 17:50
Bruninho Samudio, filho do ex-goleiro Bruno e Eliza Samudio (Foto: Redes sociais)
Bruninho Samudio, filho do ex-goleiro Bruno e Eliza Samudio (Foto: Redes sociais)

Bruno Samudio - conhecido como Bruninho - filho do ex-goleiro do Flamengo  Bruno Fernandes e Eliza Samudio, neste domingo falou pela primeira vez à imprensa sobre o assassinato da mãe. A conversa com o apresentador Geraldo Luís foi ao ar no final desta tarde. “Era um bom atleta, mas não uma boa pessoa”, disse o jovem, quase 14 anos depois do crime.

Quando questionado sobre qual sentimento carrega pelo pai, Bruninho se limitou a dizer que não sente nada "além de pena". Seguindo os passos de Bruno no esporte, mas sem querer ser comparado a ele, o jovem assinou em fevereiro deste ano contrato com Athletico-PR. Esse é o primeiro contato profissional do garoto de 14 anos.

A avó, Sônia Fátima Moura, tutora legal de Bruninho, também foi entrevistada pelo programa "Geral do Povo'". Chorou e mostrou mesa cheia de fotos da filha, inclusive durante a gravidez, até a imagem do dia em que a avó levou Bruninho para casa pela primeira vez. "Era dor e aquele sentimento de eu precisava acolhê-lo. Eu sempre falo para ele, que se hoje eu vivo, é por causa dele".

Sobre o dia em que soube da morte da mãe, Sônia lembrou que Bruninho deveria ter 8 anos quando ficou sabendo do crime. "Um dia ele disse que queria conhecer o pai. Mas a gente sempre dava uma enrolada. Falava que não tava aqui, Mas ele dizia que se tava morando longe, que a gente podia pegar um avião... Dai eu falei pra ele: 'seu pai tá preso'. Ele perguntou então: 'tá preso porque?' Eu disse que ele foi responsável pela morte de uma pessoa. Ai ele perguntou: 'era minha' mãe?' E eu falei sim"

Sônia, avó de Bruninho, em entrevista ao apresentador Gerlado Luis.
Sônia, avó de Bruninho, em entrevista ao apresentador Gerlado Luis.

Sônia também mostrou a rotina do atleta e falou sobre os planos e a carreira do menino como goleiro.

Bruninho começou a chamar atenção ainda na escolinha de futebol  pela altura, 1,88m e performance. Em 2022 ele realizou o teste do time e no ano seguinte entrou para o Athletico na categoria sub-13. Entretanto, não tinha contrato com o clube. Ele participava de alguns jogos regionais e ganhou destaque em  diversas partidas. Agora, ele treina no Sub-14 e no sub-15.

Passado - Bruno Fernandes das Dores de Souza foi condenado em 2013 a 20 anos e nove meses de prisão  por homicídio triplamente qualificado, sequestro e ocultação de cadáver da modelo e ex-namorada Eliza Samudio, em 2010.

O ex-atleta do Flamengo cumpre a pena em regime domiciliar semiaberto desde 2019. Nesse meio tempo as polêmicas envolvendo o nome do filho foram diversas. Bruno não acreditava na paternidade e chegou a pedir o teste de DNA mais de uma vez. Para pagar a pensão do filho, pendente há 12 anos, ele pediu ajuda nas redes sociais por meio de vaquinhas virtuais. Posteriormente ele foi acusado de ter sumido com o dinheiro arrecadado.

Em pedido de acordo na Justiça, Bruno tentou diminuir a dívida de R$ 90 mil para R$ 30 mil O valor total foi determinado pela Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul. A dívida foi paga, mas Bruninho nunca teve contato com o pai.

 Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias