A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 10 de Dezembro de 2017

12/05/2010 22:18

Grêmio reage no 2º tempo, vira contra o Santos e vence

Redação

Foi um jogo alucinante. Com um segundo tempo quase impecável, o Grêmio venceu o Santos por 4 a 3 nesta quarta-feira no estádio Olímpico com direito a três gols de Borges e ficou em uma situação bem confortável nas semifinais da Copa do Brasil.

O resultado dá ao Grêmio a chance de empatar na partida de volta na Vila Belmiro. O vencedor do duelo entre as duas equipes enfrenta quem levar a melhor entre Atlético-GO e Vitória.

A partida começou muito movimentada no Olímpico. Apesar de não ser incisivo, o Santos conteve o ímpeto do Grêmio nos minutos iniciais da partida. E abriu o placar justamente em lance característico do time gaúcho: em cobrança de escanteio, com André.

Como se diz no jargão do futebol, o Grêmio 'sentiu o golpe' após levar o gol. E o Santos, até então implacável na partida, não perdoou em um contra-ataque onde Paulo Henrique Ganso achou André, que tocou na saída de Victor e fez o segundo, colocando o time da Vila Belmiro em ótima situação na partida.

O Santos voltou cauteloso do intervalo. O técnico Dorival Júnior, inclusive, colocou um volante de contenção logo no início da etapa, quando Rodrigo Mancha entrou no lugar de Marquinhos.

Em lance isolado, o Grêmio descontou o placar e inflamou a sua torcida: aos 12 minutos, Rodrigo Mancha tirou mal e a bola sobrou limpa para Borges. O atacante do Grêmio não perdoou: 2 a 1 Santos.

Em outra falha de Rodrigo Mancha, o Grêmio saiu em um rápido contra-ataque e fez mais um, com Borges. Irritado, Dorival Júnior trocou o jogador por Rodriguinho. Mais irritado ainda, o volante deu soco no banco após sair.

Logo depois, o Grêmio tornou a partida ainda mais empolgante ao marcar um golaço aos 22 minutos. O atacante Jonas soltou a bomba da entrada da área e acertou o ângulo de Felipe.

O Santos sentiu demais o golpe. Por isso, o quarto gol era questão de tempo. O que acabou acontecendo aos 31 minutos: Jonas achou Borges em posição duvidosa, e o atacante fez o seu terceiro gol no jogo.

Mas o Santos conseguiu achar um gol que pode mudar a história do segundo jogo na Vila Belmiro. Em belíssimo passe de Ganso, Robinho matou no peito e emendou a bomba fuzilando Victor: 4 a 3.

Um público de 38.475 torcedores compareceu ao jogo, que registrou renda de R$ 819.403,50.

(Com informações do site UOL)

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions