A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

02/11/2013 10:53

Jogadoras pedem dinheiro no semáforo para ir à final de futebol americano

Equipe Campo Grande Cobra precisa de ajuda para participar dos jogos em Goiânia

Helton Verão
Meninas do time campo-grandense estão nas finais do brasileiro feminino de futebol americano (Foto: Arquivo Pessoal)Meninas do time campo-grandense estão nas finais do brasileiro feminino de futebol americano (Foto: Arquivo Pessoal)

O time feminino de futebol americano Campo Grande Cobras está promovendo campanha para viajar para a disputa das finais do Campeonato Brasileiro da modalidade, que acontecerão em Goiânia (GO). Não estranhe se você encontrar as atletas nos semáforos das principais vias da Capital comercializando doces e pedindo doações para a “caixinha” do clube.

Esta é a segunda vez que as meninas colocam “a mão na massa” e vão as ruas para pedir ajuda. Na primeira vez, elas venderam rifas e pediram dinheiro nas ruas, alcançando quase R$ 4 mil para custear a viagem a Brasília. “Elas já estão há um mês buscando ajuda. Na fase classificatória, em Brasília, viajamos do mesmo jeito, fizeram rifas e pedimos nos semáforo. Conseguimos quase R$ 4 mil mais alguns patrocínios. Iremos precisar mais ou menos deste valor novamente”, comenta o presidente e técnico do Cobras, Pedro Rodrigues Loureiro, 25 anos.

A equipe feminina conta atualmente com cerca de 15 atletas, com idades entre 16 e 36 anos. Elas treinam quatro vezes na semana. O técnico diz que quem tiver interesse em treinar e conhecer a equipe, será bem vinda. “Essa luta já vem de alguns anos, as competições estão começando vir para cá, já está surgindo equipes no interior, em Dourados, Três Lagoas, Maracaju e Naviraí”, lembra o fundador do clube.

Há quase dois anos na ativa, o clube já se programa para criar a sua “versão” masculina para bater de frente com os outros dois rivais da Capital, o Campo Grande Gravediggers e o Jacarés do Pantanal. “Estamos trabalhando para criar nossa equipe masculina. Sou apaixonado pelo esporte desde os 18 anos. É uma modalidade democrática, que não possui biótipo definido, sem restrições”, ressalta Rodrigues.

Meninas durante a campanha no semáforo ao lado do Belmar Fidalgo (Foto: Arquivo Pessoal)Meninas durante a campanha no semáforo ao lado do Belmar Fidalgo (Foto: Arquivo Pessoal)
Para viajar à Brasília elas venderam rifas, desta vez vendem doces e doações no semáforo (Foto: Arquivo Pessoal)Para viajar à Brasília elas venderam rifas, desta vez vendem doces e doações no semáforo (Foto: Arquivo Pessoal)

A final do Campeonato Brasileiro acontece em Goiânia de 15 ao dia 17 deste mês. Pedro conta que a delegação é composta por 18 pessoas.

Quem tiver interesse em ajudar o Campo Grande Cobras basta entrar em contato com o número (67) 9106-0083 ou pela Fanpage oficial do time.

Os treinos acontecem às terças e quintas, às 18h30, na praça esportiva Belmar Fidalgo. Aos sábados, às 18 horas, na avenida Presidente Café Filho, bairro Santo Amaro. E aos domingos às 15 horas, na rua Olímpio Klafke esquina com avenida Alberto de Araújo Arruda.

Jogadoras pedem dinheiro no semáforo para ir à final de futebol americano


VERGONHA
VERGONHA
VERGONHA
CADE A POLÍTICAS PÚBLICAS DO ESPORTE
NA PRÁTICA NADA É FEITO PELOS ATLETAS EM NOSSO ESTADO.
NEI SALVIANO





 
nei salviano em 04/11/2013 07:49:42
CADÊ O GOVERNADOR DO MS????? NÃO INCENTIVA O ESPORTE, SÓ SABE MANDAR A POLÍCIA MATAR!!!!!! O QUE ELE DEVERIA FAZER É INCENTIVAR O ESPORTE NO NOSSO ESTADO!!!!!!!! UMA VERGONHA, ATLETAS PEDIREM DINHEIRO NO SINAL PARA VIAJAREM E REPRESENTAREM O ESTADO. UMA MATÉRIA DESSAS QUE DEVERIA PASSAR EM REDE NACIONAL, PRA MOSTRA O TIPO DE GOVERNO QUE TEMOS!!!!!!!!!
 
Milton Martins em 04/11/2013 07:31:29
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions