A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 18 de Janeiro de 2018

12/04/2017 22:51

Palmeiras sofre, vira sobre o Peñarol e conquista vitória nos acréscimos

Nyelder Rodrigues

Um jogo que começou morno e terminou cheio de emoção. Assim foi o duelo entre Palmeiras e Peñarol na noite desta quarta-feira (12) em São Paulo (SP), no Allianz Parque, pela 3ª rodada da Copa Libertadores 2017. No fim das contas, o time alviverde saiu com a vitória por 3 a 2, apesar do sofrimento.

Diante de um estádio lotado, o Verdão não começou tão bem e acabou sofrendo o primeiro gol. Após cobrança de escanteio, Arias subiu livre na área e testou para o fundo do gol, abrindo o placar do duelo aos 31 minutos da etapa inicial.

Já na volta do intervalo, o Palmeiras veio cheio de gás e arrebatador. Com apenas um minuto de bola rolando, Fabiano cruzou de pé esquerdo, o zagueiro Edu Dracena desviou de cabeça e Borja dividiu.

Na sobra, a bola ficou com o atacante Willian, que aproveitou a chance e, sem o goleiro pela frente, completou para a rede e empatou o duelo. E a pressão alviverde não parou por aí. Com cinco minutos, veio a virada, dos pés de Dudu.

Em cobrança de lateral de Fabiano Borja tocou de cabeça para Guerra, que passou para Dudu, que avançava pela direita e apareceu livre e, também sem goleiro pela frente, fez o gol da virada palestrina.

Aos nove, parecia que o Palmeiras faria mais um e continuaria crescendo no jogo. Dudu foi derrubado na grande área e foi marcado pênalti. Porém, na cobrança, Borja desperdiçou, chutando por cima do gol.

Daí em diante, o Verdão tirou o pé do acelerador e os visitantes aproveitaram. Aos 30 minutos, Quintana apareceu livre dentro da área e tocou de cabeça. Prass chegou a defender, mas no rebote Gastón Rodriguez fez o empate. Um minuto, o Peñarol conseguiu salvar um gol em cima da linha.

Aos 32, o Palmeiras ainda chutou uma bola na trave. Foram dados cinco minutos de acréscimos, período em que houve uma confusão, com a exclusão do treinador uruguaio e do atacante Dudu. Depois do tumultuo, o Palmeiras pressionou e empatou

Com 54 minutos de segundo tempo, Michel Bastos cruzou em escanteio pelo lado esquerdo, Fabiano subiu mais do que todo mundo, testou para o gol, a bola bateu na trave e entrou, fazendo a torcida explodir, assim como todo o elenco e comissão técnica do Palmeiras. Um minuto depois, o jogo foi encerrado.

O resultado colora o Verdão na liderança do Grupo 5 da Libertadores, somando sete pontos - são duas vitórias em casa e um empate fora. O Peñarol agora tem três pontos. O Palmeiras ainda tem dois jogos fora de casa e um dentro nesta fase.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions