A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

04/12/2017 20:14

Primeiro artilheiro de Brasileiro pelo Timão, Jô ganha a Bola de Ouro

Nyelder Rodrigues
Jô levanta taça de campeão brasileiro ao recebê-la durante jogo contra o Atlético-MG (Foto:Divulgação/Corinthians)Jô levanta taça de campeão brasileiro ao recebê-la durante jogo contra o Atlético-MG (Foto:Divulgação/Corinthians)

O centro-avante Jô, primeiro atleta a conquistar a artilhaeria do Campeonato Brasileiro pelo Corinthians, conquistou nesta segunda-feira (4) também o prêmio Bola de Ouro, tradicional premiação criada em 1971 pela revista Placar, e atualmente organizada pela emissora de TV por assinatura ESPN brasil.

Com pontuação 6,63, o jogador que retornou ao time que o revelou neste ano para conquistar o sétimo Brasileirão do clube ficou à frente do palmeirense Dudu, que teve média 6,51, e do meio-campista são-paulino Hernanes (6,40).

Completaram a lista dos cinco com melhor nota o atacante gremista Luan (nota 6,37), que foi considerado na Libertadores o melhor da competição, e o goleiro santista Vanderlei (6,34).

A pontuação final é obtida a partir da média das notas dadas por vários jornalistas em todas as rodadas do Brasileirão, para todos atletas que atuaram. Hoje com 30 anos, Jô dividiu a artilharia do Brasileiro de 2017 com o também centro-avante Henrique Dourado, do Fluminense, com 18 gols cada um.

Já a Bola de Prata, prêmio dado para o melhor em casa posição, em uma formação, premiou o Vanderlei; Fagner (Corinthians), Geromel (Grêmio), Balbuena (Corinthians) e Carleto (Coritiba); Michel (Grêmio) e Hernanes; Luan, Thiago Neves (Cruzeiro) e Dudu; Jô. O Fabio Carille foi considero o melhor treinador e Sole James (Santos) a melhor do futebol feminino.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions