A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

10/01/2014 16:26

Times de MS temem adversários, mas prometem não dar vexame na Copa do Brasil

Helton Verão
Em 2010 o Naviraiense foi massacrado na Vila Belmiro pelo time de Neymar, Robinho, Ganso e André Em 2010 o Naviraiense foi massacrado na Vila Belmiro pelo time de Neymar, Robinho, Ganso e André

Os representantes de Mato Grosso do Sul na Copa do Brasil conheceram hoje os adversários na estreia da competição. Cene e Naviraiense irão encarar Coritiba e Avaí (SC), respectivamente. E os presidentes dos clubes bancam o velho discurso, de que todo adversário é difícil e são grandes equipes. No entanto, os dois garantem que de que não vão repetir os vexames, como levar goleada de 10 a zero.

Tudo porque nos últimos anos, os clubes do Estado têm passado por essa desonra, seja no campo, ou nas burocracias do tribunal.

Os mais famosos, em 2010 tiveram o Naviraiense como personagem, que no primeiro jogo contra o Santos aqui no estádio Morenão, até parecia conseguir um 0 a 0, criando boas oportunidades. Mas quase no final da partida sofreu o gol de Marquinhos. Na Vila Belmiro, veio o massacre. Um impiedoso 10 a 0, com aquela "encapetada" equipe santista, com Robinho, Neymar, Ganso e André.

“É um time difícil e de tradição. Vamos trabalhar para sair com a vitória”, comenta o atual presidente do Naviraiense, Fábio Chagas.

No ano seguinte, mais uma para a galeria de vexames do futebol sul-mato-grossense, o Comercial, atual campeão Estadual na época, recebeu o Vasco, no Morenão. O colorado sequer pensou no caminho do aeroporto para jogar no Rio de Janeiro, a equipe cruzmaltina goleou por 6 a 1, eliminando a partida da volta.

“O Cene nunca passou por vexames nacionais, pode pesquisar que você não vai achar nada. Entramos em todo campeonato de forma séria e buscando a vitória”, responde José Rodrigues, presidente do clube.

Em 2013, o Jacaré do Conesul foi o protagonista do desastre. E acredite se quiser, após eliminar Portuguesa e Paysandu e já estar na 3ª fase, o clube se descuidou dos contratos dos jogadores Bahia e Paulo Sérgio, e acabou eliminado no Pleno do STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva).

“Nosso novo secretário está instruído para ter um cuidado redobrado com esses contratos”, previne-se o presidente. Vale lembrar que na ocasião o presidente do clube era Diomedes Cerri, morto no ano passado.

“Estamos sonhando para repetir o feito, mas agora não vamos ter problemas com tribunal”, prometeFábio Chagas.

Sobre o mando de campo, o presidente prefere mandar os jogos sempre no municipal Virotão, com capacidade para 4 mil pessoas e que costuma ser o 12º jogador em campo.

Rodrigues, do Cene, vê o Coritiba como um adversário difícil, mas vê possibilidades do clube auricesleste passar de fase. “Vai ser dificílimo. Teremos um excelente adversário pela frente, se engana quem pensa que o Coritiba é um time pequeno. Mas o Cene entra para passar”, ressalta. O Furacão Amarelo irá mandar seu jogo no Morenão.

As datas dos jogos ainda não foram definidas. A competição começa no dia 12 de março. Na maioria das vezes, um clube do Estado estreia na primeira data e outro na semana seguinte.

O campeonato Sul-Mato-Grossense 2014 tem início no dia 18. Porém, os dois representantes na Copa do Brasil estreiam no dia 19. O Cene encara o Novoperário, no Morenão. O Naviraiense encara o Ivinhema, em Nova Andradina, já que o adversário foi punido com a perda de mandos.



Com a atual administração da FFMS e no amadorismo que se transformou nosso futebol , é difícil acreditar que alguma coisa vai mudar!!"
 
MARCELLO MENDES em 10/01/2014 20:43:20
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions