A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 19 de Julho de 2019


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


28/06/2019 06:00

Assassina queria liberdade, mas não engravidou

Ângela Kempfer
Pamela foi presa em fevereiro por assassinar uma senhora de 79 anos. (Foto: Paulo Francis)Pamela foi presa em fevereiro por assassinar uma senhora de 79 anos. (Foto: Paulo Francis)

Negativo - Pamela Ortiz, presa pelo assassinato da idosa Dirce Santoro, em fevereiro deste ano, surpreendeu todo mundo na última audiência sobre o caso, declarando que suspeitava estar grávida. Mas o exame saiu e deu negativo. Mais um balde de água fria na acusada, que já havia pedido para cumprir prisão domiciliar para cuidar de outro filho.

Troca - Após sumiço de 101 quilos de cocaína da 1ª Delegacia de Polícia de Aquidauana, cuja investigação resultou na prisão do delegado Eder Oliveira Moraes e de mais onze pessoas, a Delegacia Regional, que também inclui a cidade pantaneira, ganhou nova comandante. 

Em vão - O delegado Eder teve de voltar para Aquidauana nesta semana para audiência de custódia, mas não abriu a boca. Negou falar qualquer coisa sobre a acusação de furto de droga dentro da delegacia. Teve até fiança arbitrada de R$ 10 mil por posse ilegal de arma. Mas não adiantou nada porque teve prisão decretada também por conta da droga.

Versão feminina - Agora, quem manda por lá é uma mulher. Silvia Elaine Girardi dos Santos foi designada para substituir Evandro Luiz Banheti Corredato, que já havia sido removido da função na semana passada e transferido para Campo Grande.

Empolgado - Na primeira LDO da nova legislatura, o deputado João Henrique Catan (PR) foi quem mais se entusiasmou para apresentar emendas, indicando 8 das 15 enviadas ao projeto. Destas, apenas três foram aprovadas pelo relator da proposta, o deputado Marçal Filho (PSDB). Outros parlamentares preferem deixar as emendas para peça orçamentária, no final do ano.

Adeus copinhos - Aproveitando a aprovação do projeto sobre os canudos plásticos, o deputado Neno Razuk (PTB) já pediu apoio antecipado para sua proposta, que trata da proibição de copos plásticos em estabelecimentos comerciais e repartições públicas, quando o produto é oferecido de forma gratuita. Pedro Kemp (PT), que apresentou o projeto dos canudinhos, já adiantou que vai apoiar o colega.

Os contra - O comércio até já se acostumou com a ideia, mas quem vende começou a reclamar. Lojas de embalagens e indústria de canudinhos de Campo Grande apelaram contra a sanção pelo governador Reinaldo Azambuja, alegando desemprego.

Na faixa – Anastácio resolveu se antecipar a um debate que, hoje, ocorre no Congresso. Proposta aprovada pela Câmara Municipal foi sancionada pelo prefeito Nildo Albres (PSDB), prevendo a proibição de cobrança da taxa de religação de água e energia elétrica por concessionárias, nos casos de corte por falta de pagamento.

Proibido – A lei de Anastácio exclui da cobrança as interrupções ocorridas a pedido dos consumidores, prevendo prazo de 24 horas para o serviço ser reativado. De quebra, proibiu o corte de energia em unidades da administração pública que sejam responsáveis por “serviços essenciais à população”, como unidades de saúde.

Mais um - Durante sessão desta quinta-feira (27), os vereadores de Campo Grande aprovaram nova proposta do tipo que autoriza, mas não obriga a adoção de medidas. Desta vez, o projeto de lei 9.118/18 autoriza a Prefeitura a criar o “Sistema de Bicicletas Públicas” como forma de investir no transporte público sustentável e não poluente. Segundo o projeto, o sistema é composto de estações inteligentes e conectadas a uma central de operações via wireless, alimentadas por fonte de energia solar.

 

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions