ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
FEVEREIRO, QUINTA  22    CAMPO GRANDE 31º

Jogo Aberto

Corte de benefício a servidor é remédio amargo na Capital

Por Caroline Maldonado, Gabriela Couto e Jackeline Oliveira | 01/02/2024 06:00

Remédio amargo - A prefeita de Campo Grande, Adriane Lopes (PP), demonstra não se abater com as dificuldades em torno da situação fiscal do município. Pelo contrário, apesar de ter extrapolado em 1,2% o limite de gastos com pessoal em 2023, ela lembra que está fazendo o que pode desde que recebeu o comando da cidade. Quanto aos projetos, que retiram benefícios de alguns servidores, Adriane explica que eles são necessários para que ela cumpra termo firmado TCE (Tribunal de Contas do Estado).

Pressão - Os projetos chegaram para votação na Câmara Municipal em dezembro, às vésperas do recesso parlamentar, que termina na sexta-feira (2). O prazo é curto, pois o ano é eleitoral. Com sindicalistas reclamando, os vereadores são forçados a fazer reuniões e até audiência pública, mas a prefeita lembra que os secretários já ouviram os segmentos. Ainda assim, Adriane disse, na quarta-feira (30), durante evento da Educação, que os técnicos da prefeitura estão à disposição para tirar dúvidas sobre os projetos.

Motivação - O 2º Seminário de Gestores da Rede Municipal de Ensino teve apresentação do cantor Chicão Castro e mensagem de motivação do secretário de Educação da Capital, Lucas Bitencourt. No Centro de Convenções Rubens Gil de Camilo, na quarta-feira (31), as palavras dele pareciam fazer efeito. Entre os milhares de servidores que lotaram o auditório, a maioria estava muito entusiasmada com o evento que marcou o início do ano letivo.

Tema - “Eu, Protagonista na Educação” foi o tema do evento. O secretário pediu que todos refletissem sobre isso e se questionassem sobre as motivações para “cumprir sua missão” de estar nas escolas dando o melhor todos os dias. Breve, em seu discurso, ele deu a palavra à prefeita.

Não é fácil - Apesar de atrasada para a próxima agenda, Adriane fez questão de dar uma palavra aos servidores, conversou com alguns e até foi ao roll onde estavam os uniformes e brinquedos que estão sendo entregues às escolas. Em seguida, no Bairro Moreninhas, para acompanhar uma ação em parceria com a Cruz Vermelha, ela teve que trocar o sapato de salto pela botina, o calçado favorito para as agendas nos bairros que exigem mais tempo caminhando. Descontraída, compartilhou o momento na rede social e questionou as seguidoras: “meninas, a vida da mulher é fácil?”.

Prefeita trocando o salto pela botina durante agenda política.
Prefeita trocando o salto pela botina durante agenda política.

Isso a Globo não mostra - Adriane tem mostrado os bastidores do trabalho nas redes sociais. É comum ela tirar o salto e colocar uma bota, sem meia, para ir a lugares inimagináveis. "Vidraça" depois de assumir a prefeitura, ela manda recado aos críticos. "Isso ninguém mostra".

Jogador Nutella - Vereador Claudinho Serra (PSDB) descumpriu regra básica do futebol terrão: é proibida camiseta branca. Após visitar o time de futebol do bairro Vila Fernanda, ele se arriscou com a gurizada em campo e saiu com a camiseta imunda. Em vídeo, é possível até ver o momento que o parlamentar caiu sozinho em uma dividida de bola.

Despedida - João César Mattogrosso assume oficialmente hoje como novo secretário-adjunto da Casa Civil. Ontem, se despediu do período em que esteve deputado estadual, como suplente de Pedro Arlei Caravina. Foi positivo na avaliação. "Concluímos nossa missão na Assembleia Legislativa com muito trabalho, compromisso com a dignidade da população e avanços para o nosso MS".

Trend sul-mato-grossense -  João César Mattogrosso estreou entrando em uma trend que está rolando nas redes sociais, na qual as pessoas tem que escolher cinco opções entre pratos típicos do Estado. O novo secretário-adjunto da Casa Civil publicou em seu perfil suas escolhas: arroz carreteiro, sobá, churrasco com mandioca, caldo de piranha e churrasco de chão.

Tá barato? - Mais um político aderiu à "moda" do implante capilar, o que mostra que vaidade é característica da política sul-mato-grossense. Desta vez, o paciente submetido ao processo foi o titular da Setesc (Secretaria de Turismo, Esporte e Cultura), Marcelo Miranda, quem resolveu renovar as madeixas.

Entrelinhas - O governador Eduardo Riedel (PSDB), durante discurso na festa de despedida de Pedro Caravina da Segov, deixou a entender que o "delegado" pode voltar para o cargo de secretário. Ele mais uma vez comparou o governo com jogo de basquete que tem quatro tempos dizendo que essas mudanças são comuns. Riedel deixou claro que gostaria que Caravina continuasse, mas deixou aberta a possibilidade de ele voltar.

Nos siga no Google Notícias