ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, SEGUNDA  10    CAMPO GRANDE 20º

Jogo Aberto

Desobedientes, petshops têm aval para abrir no fim de semana

Por Anahi Zurutuza e Ângela Kempfer | 24/07/2020 06:00
Cão se delicia com banho de espuma (Foto: Campo Grande News/Arquivo)
Cão se delicia com banho de espuma (Foto: Campo Grande News/Arquivo)

Quem não late não mama - No primeiro lockdown de fim de semana na Capital, uns dos setores que mais deu dor de cabeça foi pet shop, por desrespeitar a ordem de funcionar apenas parte de clínica veterinária. A desobediência “deu certo”. No próximo fim de semana, vão poder abrir para dar banho na cachorrada.

Reincidente - Sorteado pelo azar, o ex-senador Delcídio do Amaral foi contaminado pelo coronavírus e também picado pelo Aedes aegypti, e pela segunda vez.

Há 10 anos - Em 2010, ficou 14 dias de molho por conta da dengue. Chegou a ser internado no Hospital El Kadri, onde ficou por 4 dias.

Duelo - Prefeito e secretário estadual de Saúde andam insistindo nos comentários sobre ocupação de leitos de UTI (Unidades de Tratamento Intensivo) na Capital. Enquanto Marquinhos Trad repete que a cidade atinge taxa recorde de ocupação por conta de pacientes de cidades vizinhas, Geraldo Resende repete todos os dias que “quem lota leito de UTI em Campo Grande é morador de Campo Grande”.

Sem briga - A Procuradoria-Geral do Estado comemorou o resultado positivo das negociações para pagamentos de precatórios. Segundo a PGE, 100% dos credores intimados aceitaram cálculos propostos, garantindo acordo direto, o que corresponde a cerca de 2 mil processos. Em maio, a PGE passou a enviar e-mail com os cálculos e já o Termo de Acordo para os credores assinarem e boa parte das respostas foi favorável ao acerto.

Na conta - “A média diária de propostas de Acordo Direto em precatórios protocolizadas, considerando apenas dias úteis, é de 40 processos”, detalha assessoria do Tribunal de Justiça. Até o fim deste mês, todas as intimações devem ser encaminhadas aos credores, para ver quem aceita as condições. Depois, os acordos serão encaminhados para homologação na Justiça e, finalmente, vem a fase dos pagamentos.

Intimação – O MPT (Ministério Público do Trabalho) intimou o STTCU (Sindicato dos Trabalhadores do Transporte Coletivo) a se manifestar sobre a paralisação “de surpresas” da segunda-feira passada.

Mínimo - O órgão ainda recomendou que em caso de grave, o mínimo de efetivo deve ser mantido trabalhando, por se tratar de serviço essencial.

Recomendação - Por recomendação do MPE (Ministério Público Eleitoral), veículos de imprensa devem evitar de veicular material distribuído por pré-candidatos. É que a campanha eleitoral só está liberada a partir de 27 de setembro.

Pesquisas - Pesquisas sobre a intenção de votos estão liberadas, conforme publicação de ontem assinadas pelas promotoras Lívia Carla Guadanhim Bariani e Grazia Strobel da Silva Gaifatto.