A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 23 de Outubro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


06/10/2015 06:00

MPE aposta em CGU para impor 1ª derrota a Bernal

Edivaldo Bitencourt

Falha – Uma falha no sistema da Justiça atrasou a análise do pedido do MPE (Ministério Público Estadual) sobre o afastamento do prefeito Alcides Bernal (PP). O problema é técnico, mas põe lenha na fogueira dos boatos sobre a instabilidade política na Capital.

Reviravolta – No entanto, o juiz da Vara de Direitos Difusos, Coletivos e Individuais Homogêneos, David de Oliveira Gomes Filho, sinalizou que não deve afastar Bernal tão cedo. Ele até reforçou a ação pela permanência do progressista na prefeitura ao anexar ao processo informações da Operação Coffee Break.

Aliado – O jornalista Eliezer David já fez duras críticas ao prefeito afastado e preso, Gilmar Olarte (PP), nas redes sociais. No entanto, logo após ele ter sido preso, ele tentou conversar com Olarte em uma cela da 3ª Delegacia de Polícia. Só não conseguiu, porque uma outra jornalista quis lhe fazer companhia na prosa.

Informada – Eliezer David continua divulgando no Facebook e nos aplicativos de que o tempo de Bernal na prefeitura será curto. Ele reforça que tem informações quentes de que haverá nova reviravolta no comando político de Campo Grande.

Boataria – As prisões de João Amorim e Gilmar Olarte não acabaram com a central de boatos na Capital. Agora, desde domingo à noite, houve o vazamento de nova operação que fará o chão tremer em Campo Grande.

Depoimento – Depois de João Amorim, o prefeito afastado, Gilmar Olarte (PP) deve prestar depoimento, às 9h de hoje, no Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado). Inicialmente, ele seria o último a depor, mas a prisão antecipou o cronograma dos promotores.

Técnicos – Marcos Cristaldo e Marta Martinez vão se firmando como técnicos que sobrevivem a todas as matizes políticas na Prefeitura de Campo Grande. Depois de ocupar cargos nas gestões de Nelsinho Trad e Gilmar Olarte, eles também foram nomeados por Alcides Bernal.

Buracos – A cada minuto, um novo buraco surge nas ruas da Capital. A Agetran já começa a ter dificuldade em suprir a demanda por cones e sinalizadores para alertar os motoristas sobre as crateras.

AlimentaçãoGilmar Olarte se alimentou com a mesma comida dos presos durante os dias em que ficou detido no presídio militar, na Capital. Ele não pode receber visitas. A cela teve a limpeza uma vez por dia.

Provas – O MPE (Ministério Público Estadual) conta com informações detalhadas e minuciosas da Controladoria Geral da União na nova ação contra Bernal. A primeira ação terminou com a vitória do atual prefeito. Agora, a esperança é de que o levantamento do órgão federal convença a Justiça de que houve irregularidade, com prejuízo de R$ 13 milhões aos cofres públicos.

(colaborou Ricardo Campos Jr.)

Vinda de Temer a MS atraiu poucos políticos
Recepção solitária – Programada em meio ao clima de tensão política sem fim em Brasília, a agenda do presidente Michel Temer em Mato Grosso do Sul no...
Crise da JBS rouba atenção de Temer
Foco na JBS - No Governo do Estado, a vinda do presidente Temer a Mato Grosso não teve a mobilização típica de visitas anteriores de presidentes. Na ...
Temer oscilou sobre decisão de vir para agenda em MS
Às pressas – A vinda do presidente Michel Temer para Mato Grosso do Sul neste sábado foi confirmada em cima da hora. A coluna apurou que tudo indicav...
Detran de MS avalia adesão a parcelar multa no cartão
Ainda não sabemos – O Detran de Mato Grosso do Sul avalia se vai fazer convênios que permitam parcelamento de multas no cartão de crédito. A autoriza...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions