A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 23 de Maio de 2018


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


29/03/2018 06:00

Quando o assunto é tráfico, MS aparece

Marta Ferreira

Sempre- Quando o assunto é tráfico internacional de drogas, em algum ponto das grandes investigações, Mato Grosso do Sul acaba sendo citado. Reportagem da Agência Pública, veiculada pelo jornal El País nesta sexta-feira, mostra que foi em Ponta Porã que se conheceram dois integrantes da quadrilha investigada como responsável pela cocaína apreendida em um helicóptero que é da família do deputado de Minas Gerais Gustavo Perrela, em 2013.

Quem? - Segundo o material, o único dos cinco presos no caso do helicóptero dos Perrellas que admitiu estar envolvido com o tráfico, Robson Ferreira Dias, disse à PF que havia sido contratado, por R$ 20 mil. O contratante, conforme o depoimento de Dias, era um homem que conheceu pessoalmente na cidade fronteira de MS, conhecido como “Chácara” .

Mais um - A reportagem cita ainda um outro suposto integrante da quadrilha como sendo de Ponta Porã. Trata-se de Wagner da Silva Fernandes, preso em outro episódio de tráfico de drogas atribuido ao mesmo grupo. Wagner conforme a reportagem, é apontado em inquérito da PF “amigo” do financiador de 250 quilos de cocaína apreendidos no fim de 2017. Esse financiador seria conhecido apenas como “Paraguaio”, ainda não identificado.

Rota - Ainda de acordo com o mesmo material, o inquérito sobre a apreensão de 2013 identificou todo o trajeto da droga, feito com o helicóptero da família Perrella do dia 22 a 24 de novembro. Foram descobertos pontos em Minas Gerais, São Paulo, Espírito Santo, Paraná, Mato Grosso do Sul e no Paraguai. Ou seja, a droga teria origem na fronteira por terras sul-mato-grossens, onde a vigilância é falha e crime organizado faz o que quer, como o Campo Grande News tem mostrado frequentemente em suas reportagens.

Vamos ver - Além da bancada do PT, de quem já se espera essa postura, o deputado Paulo Siufi (MDB) disse que vai analisar com cuidado a segunda votação do reajuste dos servidores, aprovado ontem em primeira, prevendo aumento de 3,04%. Afirma, assim como os colegas petistas, que só vão votar a favor em segunda analise, se houve acordo com as categorias.

Mais rápido - A definição do reajuste, neste ano, está em velocidade muito mais rápida do que no ano passado, quando o fechamento só aconteceu em julho, depois de muita polêmica. A explicação mais lógica para isso é a lei eleitoral, que só permite reajustes até seis meses antes das eleições

Tô de olho - Paulo Siufi (MDB) reclamou das inúmeras obras que estão sendo inauguradas pelo governo estadual. Para ele, é só por causa da proximidade das eleições. Se nada mudar, o MDB vai ser adversário dos tucanos na eleição deste ano.

Do contra - A postura aparentemente crítica de Siufi vai de encontro aos discursos recentes de colegas que, além de reforçarem o apoio do MDB ao governo, independentemente da eleição, até defendem que os dois partidos voltem a se coligar neste ano.

Soma - O deputado Renato Câmara, presidente do PT em Dourados, continua comemorando a aquisição  de George Takimoto (Ex-PDT) pelo MDB. Ele afirma que o novo colega de legenda vai reforçar a base eleitoral do partido na região. 

Brasília - Na análise do deputado Câmara, Takimoto pode colaborar principalmente com a chapa que vai disputar vaga na Câmara Federal. O ex-pedetista trocou de partido justamente em busca desse espaço.

(Com Leonardo Rocha)

 

DEM e a disputa entre André e Reinaldo
Já escolhi - Sobre a declaração de Puccinelli que estaria "namorando" o DEM, o deputado Zé Teixeira fez brincadeira para dizer de qual lado da disput...
Maioria prefere Lava Jato à Copa do Mundo
Copa? – Pesquisa do Instituto Paraná mostra que, a menos de um mês do Mundial da Rússia, o brasileiro não está muito motivado com o assunto. A consul...
Ex-ministro não errou o “do Sul”, mas...
Gafe - O ex-ministro Henrique Meireles (MDB) em um dos diversos discursos no evento em Campo Grande neste sábado (19) confundiu Mato Grosso do Sul co...
PMs presos têm “festival de ações”
Conhecidos da justiça - Entre as duas dezenas de policiais militares de Mato Grosso do Sul presos esta semana por suspeita de facilitar a vida dos co...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions