A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 19 de Outubro de 2019

01/10/2019 08:18

Entre bolitas e piões, biblioteca lança exposição de brinquedos antigos

Itens foram produzidos por acadêmicas do 5° e 6° semestres do curso de Pedagogia da UFMS

Danielle Valentim
Além do resgate de gerações passadas, outro ponto interessante é que os artefatos foram produzidos para serem usados em sala. Além do resgate de gerações passadas, outro ponto interessante é que os artefatos foram produzidos para serem usados em sala.

Neste mês das crianças, a Biblioteca Estadual Dr. Isaias Paim abre a exposição sobre brinquedos antigos. Das bolitas aos piões, diversidade nos itens de infância é o que não falta.

Além do resgate de gerações passadas, outro ponto interessante é que os artefatos foram produzidos por acadêmicas do 5° e 6° semestres do curso de Pedagogia da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul), para serem utilizados em sala de aula.

Para agregar o conhecimento e o desenvolvimento na educação infantil, as acadêmciso usam o lúdico para desenvolver a imaginação, pois acreditam que a criança aprende na interação social, e que o imaginário é potente chave nessa primeira fase de vida, a infância. As acadêmicas propõem a ludicidade como meio de aguçar o olhar criativo e o brincar.

Dentro da exposição, a Escola Municipal Governador Harry Amorim leva a riqueza de nossa terra o “Varal de Poesia Manoel de Barros”, dos alunos do 9° ano, e que teve como curadores os Professores Isac Zampieri e Luciana Zaida.

Mais brinquedos produzidos. Mais brinquedos produzidos.

Os alunos produziram, com a orientação dos curadores, um varal de poesias extraídas de livros do nosso poeta maior, com o intuito de entrarem neste universo mágico da natureza regional e das letras.

Serão expostos também alguns livros que falam sobre brincadeiras antigas e um livro gigante, produzido por acadêmicas da UFMS. O livro gigante mostra com imagens bem coloridas os personagens do Sítio do Pica-Pau Amarelo, de Monteiro Lobato.

A coordenadora da Biblioteca, Eleuzina Crisanto de Lima, diz que a unidade tem, nos últimos anos, pensado cuidadosamente em projetos voltado ao público infantil, visto a necessidade de trazê-las para esse espaço.

“Essas crianças serão os adultos de amanhã, e nada mais justo que regar essas sementes, para que de fato estejam aprendendo. A semana da criança é uma data muito esperada, por isso procuramos pensar na essência da criança. Sabemos como é importante as fases da aprendizagem da criança, pois é através dessa absorção do meio que ela vai se moldando culturalmente, aprimorando a leitura. Nesse contexto, o apreender e o brincar faz-se valioso”.

Curta o Lado B no Facebook e Instagram.

imagem transparente

Classificados


Copyright © 2019 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.