A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 19 de Setembro de 2018

29/06/2018 07:11

Casal abre mão do imóvel dos sonhos por motorhome e agora praia é o quintal

Os dois abriram mão de construir uma super casa em Campo Grande para viver pelo mundo

Thailla Torres
Casal saiu de Campo Grande há um ano e hoje vive pelo Brasil em um motorhome. (Foto: Arquivo Pessoal)Casal saiu de Campo Grande há um ano e hoje vive pelo Brasil em um motorhome. (Foto: Arquivo Pessoal)

Não tem closet, banheira de hidromassagem e nem sala confortável, mas é o paraíso ao alcance dos pés. Há um ano, o casal aposentado Márcia, de 56 anos, e Júlio Okamoto, de 58, decidiu abrir mão de construir a casa dos sonhos em Campo Grande para viver pelo mundo em um motorhome. A conquista é o ponto alto da liberdade que só chegou após anos de muito trabalho.

Ela é funcionária pública, ele agrônomo e formado em Direito, mas com a chegada da aposentadoria a suspeita de ficar em casa sem ter o que fazer passou a ser uma preocupação na vida dos dois. "Ele chegou a pensar em advogar para não ficar sem fazer nada. Eu só pensava no que faria, porquê não sei nem fazer crochê", conta Márcia.

Os dois se aposentaram em 2016, ele em setembro e ela em dezembro daquele ano. O "plano A" de vida era usar todas as economias para construir a casa dos sonhos. "Um sobrado gigante, com closet, uma sala enorme para receber os convidados", descreve. "Chegamos a encontrar o arquiteto, mas quando ia firmar o negócio, meu marido sempre falava se valia a pena construir uma casa em Campo Grande".

Praia é o quintal preferido deles. (Foto: Arquivo Pessoal)Praia é o quintal preferido deles. (Foto: Arquivo Pessoal)
Em um espaço de 8m² os dois têm tudo que precisam. (Foto: Arquivo Pessoal)Em um espaço de 8m² os dois têm tudo que precisam. (Foto: Arquivo Pessoal)

Uma viagem inesquecível foi o impulso para o casal investir tudo o que tinha em um veículo, que segundo Márcia, custou, aproximadamente, o valor de uma casa. "Numa viagem de férias à praia conhecemos uma casal que estava morando em um ônibus.  Fiquei curiosa, procurei saber o que eles tinham e dali em diante a gente pensava no que fazer".

Depois de muita procura por um veículo ideal, encontraram um modelo pronto e bem planejado para atender os sonhos durante o tempo de viagem. O motorhome dá a eles a liberdade de ir e vir por onde quiser. E toda vez que saem de viagem um roteiro é previamente elaborado. Mas sujeito à alterações a qualquer momento. “É uma liberdade, a gente pode dormir em qualquer lugar pelo caminho e o melhor, hoje a praia é o nosso quintal”, explica o casal.

Da casa luxuosa para uma vida dentro de 8 m² sobre rodas, que segundo eles, tem tudo que é essencial. Cozinha, banheiro, cama de casal, mesa que vira sala, máquina de lavar roupa, churrasqueira e televisão. "Tem três televisões, na sala, quarto e do lado de fora para a comidinha feita ao livre". 

A vantagem é não precisar de muito para viver, garante Márcia. "Temos pouca roupa, objetos e o espaço é suficiente. De sapato só tenho dois tênis, a gente investe mesmo é em chinelo".

Atualmente o casal está  vivendo por praias de Alagoas, mas já viveram dois meses em Salvador, três meses em Santa Catarina e o próximo destino ainda é incerto.

Cantinho especial que é mesa de jantar e sala. (Foto: Márcia Okamoto)Cantinho especial que é mesa de jantar e sala. (Foto: Márcia Okamoto)
Bancos do motorista e passageiro que também dão lugar à cama. (Foto: Márcia Okamoto)Bancos do motorista e passageiro que também dão lugar à cama. (Foto: Márcia Okamoto)
Cozinha no interior do motorhome. (Foto: Márcia Okamoto)Cozinha no interior do motorhome. (Foto: Márcia Okamoto)
Há espaço para cama e banheiro lado a lado. (Foto: Márcia Okamoto)Há espaço para cama e banheiro lado a lado. (Foto: Márcia Okamoto)

Sobre ter conforto, segurança e, ao mesmo tempo, economia durante as viagens, eles puderam notar que basta fazer um planejamento. "Ao invés de estacionar em qualquer lugar ou pagar o camping por dia, escolhemos um local e alugamos o espaço para viver no motorhome ali por um mês. Geralmente nesses locais está incluso água e luz", explica.

Comida pronta só em ocasiões especiais, o casal cozinha todos os dias e para economizar o Diesel durante as viagens, também levam um carro de passeio para auxiliar durante os trajetos no dia a dia.

Apesar do estilo de vida com liberdade, o casal optou manter a disciplina. "Temos sempre uma programação diferente e como ficamos até um mês na mesma cidade, pagamos academia para manter a saúde. Uma forma também de conhecer novas pessoas e fazer amigos".

Devido a idade, segundo Márcia, durante o ano é preciso tirar um tempinho para voltar para casa. "Voltamos só para ir ao médico, fazer exames e conferir se está tudo bem. Depois é pé na estrada novamente. Hoje, os planos é fazer da casa em Campo Grande apenas um ponto de parada".

O único desafio é a saudade de quem se ama. "Vai além das coisas materiais, é da família que ficou em casa, da minha filha e a segurança de casa. Mas o legal é que não temos que planejar muito onde iremos. Apenas estamos indo, se for bom a gente fica, se não a gente vai embora".

Curta o Lado B no Facebook e Instagram

Quando estão na estrada, o casal prefere dormir em postos de gasolina pela segurança. (Foto: Márcia Okamoto)Quando estão na estrada, o casal prefere dormir em postos de gasolina pela segurança. (Foto: Márcia Okamoto)


imagem transparente

Classificados


Copyright © 2018 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.