ACOMPANHE-NOS    
JULHO, SÁBADO  11    CAMPO GRANDE 20º

Comportamento

Drone ajudou Jadson a pedir noiva em casamento, após falhar 3 vezes

O mais legal de tudo é que, o pedido que deu certo, foi feito com drone entregando a aliança

Por Lucas Mamédio | 23/05/2020 07:46
Jadson e Amanda durante pedido de casamento (Foto: Guilherme Calazans)
Jadson e Amanda durante pedido de casamento (Foto: Guilherme Calazans)

Se tem uma situação que a galera usa criatividade é na hora de pedir o companheiro em casamento. Nossa, tem de tudo. Quando vejo um cara ajoelhar, mostrar aliança e pedir num restaurante, mesmo que seja chique, penso: “É tudo que tem pra oferecer, amigão?”.

Vamos contar aqui a história de um pedido de casamento criativo, que quase não aconteceu três vezes, estragou o instrumento de trabalho do noivo, mas, no fim, deu tudo certo.

Jadson Veloso Bezerra, videomaker de 22 anos e Amanda Hans Apolinário de Souza, dentista, de 22 anos, namoravam há 2 anos e cinco meses antes o pedido feito por ele.

“Primeiro de tudo eu iria pedir a Amanda em casamento em março, no aniversário dela. Eu comprei a aliança e iria viajar pra cidade dela, em Joinville (SC). Porém a aliança não chegou a tempo devido a pandemia, deu uma boa atrasada”, explica Jadson.

Jadson cortando a corda que amarrava a caixinha de aliança ao drone (Foto: Guilherme Calazans)
Jadson cortando a corda que amarrava a caixinha de aliança ao drone (Foto: Guilherme Calazans)

O pedido de casamento foi, então, transferido para Campo Grande, e quase não aconteceu de novo. “A aliança havia chegado, mas a loja estava fechada, sem previsão de abertura. Ela chegou em Campo Grande e eu ainda estava incerto do que fazer (o pedido)”.

Aqui entra um terceiro personagem, o Guilherme Calazans, muito importante. Fotógrafo e amigo do casal, que estava há tempos tentando fazer um ensaio com os dois. “Já tinha dito ao Guilherme, que é muito meu brother, minhas pretensões, foi quando ele sugeriu um ensaio fotográfico pra captar a reação dela no momento”.

Jadson é videomaker e trabalha com drones, por isso teve a ideia de, durante o ensaio, pedir ela em casamento e entregar caixinha com a aliança no drone. Antes da sessão de fotos, porém, ele resolver testar o uso do drone com a caixinha de aliança e, como se não bastasse tudo, um acidente trágico quase acabou com o pedido, de novo.

“Fiz alguns testes com a caixinha amarrada no meu drone pra ver se funcionaria e algo trágico aconteceu. Não desliguei os sensores, o drone ficou confuso com o objeto pendurado bem embaixo do sensor e começou a subir sozinho. Infelizmente ele bateu e caiu, quebrou uma das pernas e a câmera. Um prejuízo e tanto”.

Jadson surpreendeu Amanda que esperava uma pose para foto (Foto: Guilherme Calazans)
Jadson surpreendeu Amanda que esperava uma pose para foto (Foto: Guilherme Calazans)

Mas o anjo da guarda, Guilherme, estava ali. “Meu irmão trabalha com drone também, e ele (Jadson) me contou desesperado o que tinha acontecido, falei com meu irmão e ele emprestou o drone dele para fazer a surpresa como havíamos planejado”, conta Guilherme.

O ensaio/pedido de casamento foi feito na Cachoeira do Rio do Peixe, em Rio Negro, norte do Estado. No teste feito pelo irmão de Guilherme, dono do drone, quase acontece o mesmo acidente. “A princípio ele teve a mesma dificuldade que eu, o drone subia sozinho por conta dos sensores, e a cachoeira fazia bastante vento também, mas graças a Deus depois de uns 10 minutos de tentativa ele conseguiu controlar o drone e descer, desligou os sensores e voltou a decolar”.

“Ele posicionou o drone bem a minha frente, e com uma tesoura no bolso cortei o cordão que segurava a aliança, peguei e ajoelhei, logo em seguida o Guilherme deu o comando pra ela virar, ela ficou bem confusa com o que estava acontecendo, mas depois caiu a ficha. Fiz o pedido e ela logo disse SIM”.

Amanda diz que demorou um pouco pra entender o que estava acontecendo (Foto: Guilherme Calazans)
Amanda diz que demorou um pouco pra entender o que estava acontecendo (Foto: Guilherme Calazans)

Amanda lembra bem do momento. “Quando me virei fiquei sem entender por alguns segundos o que estava acontecendo, porque eu estava com as instruções da pose, que o Guilherme me pediu, na cabeça. E ao ver o Jadson ajoelhado pensei comigo “porque ele está na pose errada?” e “porque o drone não está filmando a gente como o combinado?”. Mas ao olhar o anel meu coração disparou, as mãos tremeram e só conseguia dizer o tão esperado SIM! Realmente como uma cena de filme: o drone trazendo o anel, nós ali descalços e a cachoeira de fundo. Um dia e um pedido de casamento inesquecível”.

Jadson diz que no fundo está feliz da ideia inicial ter dado errado. “Consegui fazer algo marcante pra ela e pra mim. Posso ter perdido o drone, mas ganhei a mulher da minha vida”.

Confira mais fotos do momento na galeria abaixo:

Curta o Lado B no Facebook e no Instagram. Tem uma pauta bacana para sugerir? Mande pelas redes sociais, e-mail: ladob@news.com.br ou no Direto das Ruas através do WhatsApp do Campo Grande News (67) 99669-9563.

Confira a Galeria de Imagens: