ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
MAIO, SÁBADO  18    CAMPO GRANDE 22º

Comportamento

Todo dia, 1ª tarefa de Milton é criar poesia e enviar para 345 amigos

Militar aposentado transformou quatro anos de mensagens em seu 26º livro

Por Aletheya Alves | 18/04/2024 07:01
Milton é apaixonado pela escrita e chegou ao seu 262º livro. (Foto: Aletheya Alves)
Milton é apaixonado pela escrita e chegou ao seu 262º livro. (Foto: Aletheya Alves)

Logo quando acorda, a primeira "tarefa" de Milton Vicente Ferreira é escrever mensagens e poesias para enviar aos seus amigos. Após sete anos de criações e envios, o militar aposentado decidiu transformar os pequenos textos em seu 26 livro.

Militar aposentado, o campo-grandense conta que, ao todo, 345 pessoas entre amigos e familiares recebem os textos. E que todo o movimento começou graças ao seu gosto pela escrita, que vem desde criança.

"Todos os dias, eu acordo, pego o celular e escrevo. As mensagens são com temas variados e uma das últimas que fiz é sobre ser uma pessoa sensível ao mundo", relata o escritor. Detalhando melhor sobre o início das escritas matinais, ele narra que uniu a ânsia por escrever à aprovação dos amigos e da família.

Após acordar com vontade de escrever logo cedo, ele decidiu enviar o texto para algumas pessoas e os retornos impulsionaram o desejo. "Começaram a perguntar se podiam enviar para outras pessoas e eu disse que sim, sem problemas. Desde então, não parei mais".

Essa vontade de escrever foi o que levou Milton a se apaixonar por livros e se tornar um escritor. Ainda na infância, o gosto foi desenvolvido a partir de trovas.

Eu fazia aquelas trovinhas para amiguinhas que eu era apaixonado, coisa de criança. Depois, cresci, me tornei militar e mesmo assim não abandonei, explica o escritor.

Na carreira militar, ele narra que se mudou para o Paraná e até lá suas poesias fizeram sucesso. "Eu escrevia, mas guardava para mim até que um colega, que também era do Exército, viu algumas poesias. Ele gostou muito e pediu para levar para casa".

Tempos depois, esse contato fez com que Milton começasse a ser publicado em um jornal local. "Ele conhecia um poeta que escrevia na página literária. Depois de levar alguns poemas meus, voltou com o jornal e eu tinha sido publicado".

Desde então, seus escritos passaram a ser compartilhados com um maior número de pessoas. Os textos se tornaram livros e, agora, o 26º está chegando. Hoje, ele mora em Mato Grosso do Sul e, a pedido de um cuidador, transformou as poesias matinais em seu último livro. Nele, quatro anos de textos são compartilhados com o público.

"Eu não queria mais escrever livro porque minha meta era 25. Mas gostei da experiência e ainsa sobrou muito conteúdo. Então, é uma realização".

Entre seus livros publicados, estão obras sobre o antigo portão de ferro de Campo Grande e narrativas sobre Piraputanga, região em que Milton passa parte do seu tempo e que já convivia desde pequeno.

O lançamento do novo livro, "Mensagens das Manhãs" será no dia 20, a partir das 16h, na Rua Antônio Ribeiro, 667, Vila Marli.

Acompanhe o Lado B no Instagram @ladobcgoficial, Facebook e Twitter. Tem pauta para sugerir? Mande nas redes sociais ou no Direto das Ruas através do WhatsApp (67) 99669-9563 (chame aqui).

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias