ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, SEXTA  30    CAMPO GRANDE 19º

Consumo

Poucos bares e restaurantes têm espaços para ocupar a criança e liberar os pais

Por Paula Maciulevicius | 14/10/2013 06:33
Villa da Pizza oferece de brinquedos à lan house com três computadores. (Fotos: João Garrigó)
Villa da Pizza oferece de brinquedos à lan house com três computadores. (Fotos: João Garrigó)

As saídas em dois sempre tinham lugar certo. Barzinho, boate e restaurantes, mas com a chegada do terceiro componente da família e assim por diante, as opções se limitaram aos dedos de uma só mão. Afinal de contas, aonde ir em Campo Grande, à noite, quando se tem filhos pequenos?

Uma rápida pergunta para os pais e a declaração é quase unânime “são poucas opções”. Entre as respostas, a maioria são restaurantes como Cantina Romana, Villa da Pizza, Lagoa da Prata, de bares mesmo o Park’s, Tibatata e como lanchonete, o Áquila.

A funcionária pública Roselane Amaral dos Santos, de 39 anos, fala que não gosta de sair de casa e deixar os pequenos, de 10 e 5 anos, então só vai onde tenha distrações para todos.

“Criança não gosta de ficar quieta num barzinho e nem vai ficar parada de jeito nenhum. Quando têm brinquedos eles acabam nem querendo ir embora, ficam ali batendo papo e fazem amigos”, comenta.

Os locais que ela e o marido frequentam precisam ter além de brinquedos, também alguém que monitore as brincadeiras. “No Miça tem brinquedo com monitor, qualquer coisa eles levam as crianças na sua mesa. Vou no Lagoa da Prata também que tem opção para eles. Basta umas cadeirinhas para brincar, joguinhos e lápis de cor”, avalia.

No Tibatata, a necessidade da dona como mãe, fez com que investisse no parquinho.
No Tibatata, a necessidade da dona como mãe, fez com que investisse no parquinho.

Mãe de dois filhos, com 5 anos e um bebê de 11 meses, a empresária Fabrícia Barbosa, de 30 anos, sempre procura um bar ou restaurante diferente a cada final de semana e esbarra nas poucas opções. Os restaurantes até que oferecem, mas os bares em si, são mesmo só voltados ao público adulto.

“Está abrindo muito bar em Campo Grande que teria condições de colocar um espaço de lazer. Vou montar um empreendimento destes e vou ganhar dinheiro, porque não tem”, brinca.

E noite dessas o Lado B saiu à caça para ver onde dá para pais e filhos acharem diversão. O Tibatata, na avenida Afonso Pena, tem um espaço bacana, cercado e com parquinho, casinha e uma monitora que fica de olho nos pequenos. Ao redor, há mesas justamente para que os pais também fiquem na vigília.

A ideia de destinar uma área do bar e restaurante veio da própria necessidade sentida pela proprietária, Ana Paula Barros, de 42 anos. “Tinha muita dificuldade de ter um espaço onde eu deixaria minha filha. Eu como mãe não abri mão de montar o parque. Somos reconhecidos e temos a licença dos bombeiros e toda segurança”, afirma.

Na maioria dos dias eles também oferecem recreação e pintura no rosto. “Eu não cobro absolutamente nada por isso e isso me deu credibilidade de um público mais fiel, que são as crianças. As mães já batem ponto e quando tem choro aqui, são os pais tirando eles do parquinho”.

Na pizzaria da Cantina Romana espaço inclui brinquedos, televisão e dvd para filmes infantis.
Na pizzaria da Cantina Romana espaço inclui brinquedos, televisão e dvd para filmes infantis.

Na pizzaria da Cantina Romana, uma sala tem televisão, DVD, brinquedos, cadeirinhas e também uma monitora de quinta a domingo, para acompanhar e desenvolver recreações. O gerente de atendimento, Tommy Menegazo, explica que o atrativo é justamente o diferencial. “Os pais dão preferência para esses lugares”, acrescenta.

O Lado B elenca abaixo algumas opções, uma mãozinha aos pais que buscam lugares para sair à noite e que tenham atrativos aos pequenos. Uma forma de não ter as crianças chamando para ir embora tão cedo. Tem mais dicas? Acrescente nos comentários o restaurante, bar e lanchonete.

Lagoa da Prata – Na 25 de Dezembro, o restaurante de Tilápia oferece mesinhas, cama elástica e piscinha de bolinhas. Aos finais de semana as atividades são acompanhadas de perto por uma monitora.

Park’s – O bar e restaurante tem um parquinho completo, com balanço de casa na árvore, escorregador, pula-pula, gira-gira e no chão, tapete de borracha que protege a criança de qualquer tombo. A monitora acompanha os pequenos de quarta a domingo. O Park’s fica na rua Itacuru, 140, bairro Itanhangá Park.

Áquila – A lanchonete na rua Amazonas esquina com a Arthur Jorge, tem brinquedos como escorregador, casinha, cama elástica e mesinhas. Também oferece monitora para ficar de olho nos pequenos.

Villa da Pizza – A pizzaria na Afonso Pena, ao lado da Masseria, tem uma mini lan house. São três computadores em uma sala, com brinquedos, mesas e cadeiras e uma monitora.

Sushi Mania – O restaurante japonês oferece cama elástica e piscina de bolinhas. Foi uma forma encontrada pela administração de retirar as crianças que corriam pelo salão a fim de evitar acidentes. O Sushi Mania fica na rua Barão do Rio Branco, n° 2192.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário