A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

15/12/2016 17:26

Vaquinha na internet pretende arrecadar fundos e reabrir a Subcultura Records

Naiane Mesquita
Pietro na antiga Subcultura Records, que ele pretende reabrir (Foto: Gerson Walber/Arquivo Cg News)Pietro na antiga Subcultura Records, que ele pretende reabrir (Foto: Gerson Walber/Arquivo Cg News)

Sonho há mais de 20 anos de Pietro Luigi, a Subcultura Records fechou as portas em 2016. Após uma mudança de local duas vezes, o jeito foi encerrar as atividades. Mas, com a insistência típica de quem ama as artes, o empresário decidiu criar uma vaquinha na internet para arrecadar fundos e voltar com a loja física.

"Fechamos depois de uma série de mudanças e problemas, dai um dos motivos do crowdfunding. Eu poderia partir para uma loja virtual pois tenho muito material, porém perderia uma das principais características da Subcultura que são os eventos e ações sociais que realizamos", afirma.

A meta é arrecadar R$ 35 mil. Desse montante apenas R$ 690,00 foram doados por fãs e pessoas que acreditam na ideia. "Vendo o valor parece alto, mas se colocando na ponta do lápis percebe que não é tanto, porque o próprio site cobra uma porcentagem", explica.

A Subcultura Records abriu suas portas em março de 2014, no segundo piso da Antiga Rodoviária de Campo Grande tendo à frente Luigi e Yasmin Santiago.

Há recompensas para quem contribuir. Com R$ 20,00, o cliente recebe uma homenagem permanente na loja com o nome escrito em um quadro especial. Já com R$ 80,00, o colaborador recebe o agradecimento, mais uma camisa e DVD com diversos momentos da Subcultura Records.

Quem quiser contribuir, é só clicar no link https://www.kickante.com.br/campanhas/sos-subcultura-records



imagem transparente

Classificados


Copyright © 2017 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.