ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, SEXTA  23    CAMPO GRANDE 24º

Diversão

Reaberto, Parque das Nações já tem show marcado para este domingo

Entrada é gratuita, mas só será permitida a 400 pessoas assistirem presencialmente e de máscara o show; então é bom chegar cedo

Por Raul Delvizio | 08/10/2020 12:26
Grupo Chalana de Prata é o convidado da vez para show dos 43 anos de MS (Foto: Reprodução/FCMS)
Grupo Chalana de Prata é o convidado da vez para show dos 43 anos de MS (Foto: Reprodução/FCMS)

Com a liberação das atividades no Parque das Nações Indígenas para o campo-grandense, a FCMS (Fundação de Cultura de MS) marcou a data do primeiro show na Capital durante o período pandêmico, já para este próximo domingo (11).

Na comemoração dos 43 anos de MS, os convidados da vez foram o grupo Chalana de Prata com a participação especial de Geraldo Espíndola. O show acontece às 19 horas na Concha Acústica Helena Meirelles, com entrada franca.

Como medidas de biossegurança, a temperatura de cada pessoa será aferida já na hora da entrada, além de disponibilização de álcool em gel e espaços demarcados a cada 1 metro e meio na arquibancada – permitido apenas aos casais sentarem juntos. E claro, o uso de máscaras será obrigatório a todos.

A capacidade terá limitação de 400 lugares, o que antes da pandemia de covid-19 já recebeu público superior a 1000 pessoas, entre aqueles que ficaram de pé e sentados. A gestora do local onde o show será palco, Wanda Brito comentou estar ansiosa pelo momento.

“Estamos à espera de um show maravilhoso! Tudo está organizado para que corra muito bem, por isso vai a restrição de público”, explicou Wanda. Segundo ela, a concha passou por uma reforma interna para que os artistas fossem melhor recebidos.

Nada de novo – Sem se preocupar com o ensaio de material inédito, só os “velhos” sucessos do Grupo Chalana terão destaque a quem estiver presente no show. Músicas como “Km 11”, “Prazer de Fazendeiro” e “Trem do Pantanal” estão confirmados no repertório. Ainda, a participação de Geraldo Espíndola não poderia ficar de fora.

“É praticamente nosso primeiro show, como se não tivéssemos anos de estrada. Vai ser com certeza muito emocionante, estávamos sentindo a falta da vibração das pessoas, principalmente dos aplausos. É um recomeço feliz para todo mundo”, comentou o músico e compositor Paulinho Simões, um dos integrantes do Chalana.

Serviço – O show em comemoração aos 43 anos de MS acontece no próximo domingo (11), às 19h, na Concha Acústica Helena Meirelles no Parque das Nações Indígenas. Entrada é gratuita, com obrigatoriedade no uso de máscara.

Curta o Lado B no Facebook e no Instagram. Tem uma pauta bacana para sugerir? Mande pelas redes sociais, e-mail: ladob@news.com.br ou no Direto das Ruas através do WhatsApp do Campo Grande News (67) 99669-9563.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário