A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 23 de Novembro de 2017

17/10/2017 14:34

Bombeiros fazem sobrevoo para avaliar combate a fogo que já destruiu 20 mil ha

Militares devem sobrevoar a região nesta tarde para calcular área de incêndio

Geisy Garnes
Incêndio já destruiu pelo menos 20 mil hectares (Foto: Imasul)Incêndio já destruiu pelo menos 20 mil hectares (Foto: Imasul)

O Corpo de Bombeiros irá sobrevoar o Parque Estadual das Várzeas do Rio Ivinhema na tarde desta terça-feira (17) para estudar maneiras mais eficazes de combate ao incêndio que destrói a vegetação da reserva a seis dias e calcular o tamanho da área já queimada na região. Pelo menos 20 mil hectares da área já foram queimadas.

De acordo com informações do Corpo de Bombeiros, a finalidade do sobrevoo é fazer um reconhecimento técnico da área.

Com a ação, os militares querem verificar o sentido de propagação do incêndio, e se as chamas se propagaram para algum aceiro natural. Durante o sobrevoo, os bombeiros também devem calcular com maior precisão o tamanho da área queimada.

Como o local é de difícil acesso, o voo pela região deve permitir que os militares consigam estudar maneiras mais eficazes de combate às chamas, a necessidade de mais efetivo, equipamentos, e também o posicionamento das equipes na região.

Os militares ainda contam com a previsão de chuva do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais para conseguir controlar o incêndio, que segundo a meteorologia, acontecerá na quinta-feira (19).

O Parque é a primeira Unidade de Conservação criada em Mato Grosso do Sul, e abrange os municípios de Jateí, Naviraí e Taquarussu. Da sede do Parque até o local do incêndio, os bombeiros enfrentaram viagem de aproximadamente uma hora de barco e duas horas de caminhada.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions