ACOMPANHE-NOS    
JULHO, SEXTA  10    CAMPO GRANDE 16º

Meio Ambiente

Dono de pousada em Bonito é preso com 4 araras e 1 periquito

Por Jorge Almoas | 04/02/2011 21:15

Aves eram mantidas em cativeiro e estavam com asas cortadas

Araras-vermelhas foram localizadas na propriedade em Bonito (Foto: Divulgação PMA)
Araras-vermelhas foram localizadas na propriedade em Bonito (Foto: Divulgação PMA)

O proprietário da Pousada “Toca do Vô”, localizada em Bonito, foi preso na quinta-feira pela PMA (Polícia Militar Ambiental) por criar pássaros silvestres sem autorização legal. Na pousada, foram apreendidas quatro araras e um periquito.

Ramão Roselvete Flores, pecuarista e dono da Pousada “Toca do Vô” mantinha em cativeiro uma arara-azul (animal na lista de espécies em extinção), duas araras-vermelhas, uma arara-canindé e um periquito.

Durante a abordagem policial, Ramão tentou justificar a presença dos animais, dizendo que eles haviam pousado na propriedade e que um funcionário, que havia sido demitido, teria cortado as asas das aves.

Ramão recebeu multa de R$ 7 mil e vai responder por crime ambiental. As araras e o periquito foram trazidos para o Cras (Centro de Recuperação de Animais Silvestres).