A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 26 de Setembro de 2018

04/08/2018 10:10

Pode ser temporária, mas trégua na estiagem traz alívio e comemoração

Segundo Inmet, Capital deve ter chuvas pelo menos até o próximo dia 8

Ricardo Campos Jr. e Mayara Bueno
Tempo fechado neste sábado na Avenida Cônsul Assaf Trad (Foto: Marina Pacheco)Tempo fechado neste sábado na Avenida Cônsul Assaf Trad (Foto: Marina Pacheco)

Mesmo sabendo que a trégua na estiagem pode ser temporária, os campo-grandenses comemoram e literalmente respiram aliviados com a chuva que atinge a cidade desde as primeiras horas da manhã deste sábado (4).

A população sofria com o tempo seco há 51 dias até que a chegada de um sistema de instabilidade virou o jogo. Nessa sexta-feira (3) uma garoa fina, passageira e em pontos isolados do município anunciou que as previsões sobre o aumento da umidade estavam certas.

Hoje, o dia amanheceu nublado e logo as primeiras gotas despencaram do céu. “O tempo estava muito seco. Nós estávamos precisando da chuva. Eu gostei”, afirma o estudante Carlos Saravi, 28 anos.

O vendedor ambulante Florentino Vareiro, 59 anos, estava começando a montar a banca quando começou a chover. “Mesmo atrapalhando um pouco o meu negócio, ela é bem vinda. Estávamos precisando. Sobre o comércio, procuro não reclamar. Tomara que dê certo para todo mundo, pois o tempo seco estava incomodando muito”, disse.

Mesmo com a chuva atrapalhando os negócios, ambulante comemora o fim da estiagem na Capital (Foto: Marina Pacheco)Mesmo com a chuva atrapalhando os negócios, ambulante comemora o fim da estiagem na Capital (Foto: Marina Pacheco)

Marli Morete, 63 anos, trabalha na área social e também considera muito bem vinda a precipitação. “Foi ótima”, relata.

A meteorologista do Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) Neide Oliveira, afirma que não apenas deve chover na Capital como há o alerta de temporais entre hoje e amanhã, com ventos que podem chegar a 100 quilômetros por hora.

“O volume deve superar os 20 milímetros, mas em alguns pontos da cidade pode chegar a ter ainda mais”, disse ao Campo Grande News.

Segundo ela, existem vários sistemas de instabilidade passando pelo país. O primeiro no fim de semana, mais intenso. Na segunda, outro mais fraco que deve se deslocar para o norte de Mato Grosso do Sul.

“No dia 7 o tempo dá uma secada, mas dia 8 tem nova previsão de chuva. Essas frentes são normais para esse período”, explica. Depois disso, é possível que a cidade volte a ficar um período sem precipitações, já que a estiagem é a marca do inverno brasileiro.

Chuva foi bem vinda na manhã de sábado, depois de mais de 50 dias de estiagem. (Fernando Antunes)Chuva foi bem vinda na manhã de sábado, depois de mais de 50 dias de estiagem. (Fernando Antunes)


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions